sábado, 22 de dezembro de 2012

CORREDOR – DIREITO DE AVANÇAR SEM O RISCO DE SER ELIMINADO

Os árbitros devem acompanhar a trajetória da bola arremessada, lançada ou rebatida. Se a bola entrar numa área de bola morta, o árbitro que observou a jogada deverá sinalizar que a bola está morta (fazer o mesmo gesto de “Time”) e indicar, com um dedo (indicador) ou dois dedos (indicador e médio), que o corredor pode avançar uma base ou duas bases, conforme o caso.
 
Os árbitros devem estar atentos quando um defensor atira sua luva, ou remove seu boné, máscara etc. do lugar onde normalmente são usados, para parar ou apanhar uma bola arremessada, lançada ou rebatida. Se tais materiais tiverem contato com a bola, o árbitro que acompanhou o lance deverá apontar a infração e conceder uma base –se o contato ocorre com uma bola arremessada–, duas bases –se o contato ocorre  com uma bola lançada –, ou três bases –se o contato ocorre com uma bola rebatida. A bola continua viva e em jogo. (O árbitro deve indicar a quantidade de bases concedidas, com os dedos (uma base: com o dedo indicador; duas bases: com os dedos indicador e médio; três bases: de preferência com os dedos médio, anular e mindinho.)

Sem comentários:

Enviar um comentário