quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

BATEDOR SE RECUSA A ENTRAR NO “BATTER’S BOX”

O batedor se recusou a entrar no “batter’s box” na sua vez de bater. O árbitro declarou um “strike”. O arremessador, ao ver o corredor da 1ª base distraído, fora da base, tentou eliminá-lo. O lançamento, porém, foi mal executado; a bola tocou a cerca lateral e rolou em direção ao jardim direito. Enquanto isso, o corredor chegou à 2ª base.

O corredor tem de retornar.

Regra 5.04 (b) (3): Se o batedor se recusa a ocupar sua posição no “batter’s box” na sua vez de bater, o árbitro deve declarar um “STRIKE”. A bola torna-se morta e nenhum corredor pode avançar. Depois dessa penalidade, o batedor pode se posicionar corretamente no “batter’s box”; a contagem regular de “ball” e “strike” deve continuar. Se o batedor não ocupar sua posição correta antes de serem contados três “strikes”, será declarado “out”.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2020

BATEDOR FORA DE ORDEM

Batedor “A” bate na vez do batedor “B” e, com um “base hit” (rebatida indefensável), chega à 2ª base. A equipe na defensiva apela antes do primeiro arremesso ao batedor seguinte. “B” é eliminado. A rebatida de “A” é válida?

Não.

Regra 6.03 (b) (3): Quando um batedor incorreto se converte em corredor ou é eliminado, e a equipe na defensiva apela antes do primeiro arremesso ao batedor seguinte de qualquer das equipes, ou antes de qualquer jogada ou tentativa de jogada, o árbitro deve (1) declarar eliminado o batedor correto; e (2) anular qualquer avanço ou ponto anotado em consequência de uma rebatida do batedor incorreto, ou devido ao avanço deste à primeira base através de uma rebatida indefensável (“hit”), um erro (“error”), uma base por “balls” (“base on balls”), por ter sido atingido por um arremesso (“hit batter”), ou de outra maneira.

sábado, 26 de dezembro de 2020

BATEDOR SAI DO “BATTER’S BOX” E O ÁRBITRO DECLARA UM “STRIKE”

Corredor na 2ª base, um eliminado. O batedor estava saindo do “batter’s box” após cada arremesso e foi advertido pelo árbitro. Quando deixou novamente a sua posição, foi declarado um “strike”.

Foi aplicada a Regra 5.04 (b) (4) (A).

Se o batedor deixa o “batter’s box”, intencionalmente, e retarda o jogo, e nenhuma das exceções relacionadas na Regra 5.04 (b) (4) (A) (i) a (ix) é aplicada, o árbitro deve adverti-lo quando ele viola esta Regra pela primeira vez num jogo. Para a segunda violação e violações subsequentes desta Regra num jogo, o Presidente da Liga pode aplicar uma penalidade adequada. Em jogo da Associação Nacional, para a segunda violação e violações subsequentes desta Regra num jogo, o árbitro deve conceder um “strike”, sem que o arremessador tenha de efetuar o arremesso. A bola torna-se morta e nenhum corredor pode avançar.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2020

quinta-feira, 24 de dezembro de 2020

INTERFERÊNCIA DA DEFENSIVA

Corredor na 2ª e na 3ª bases, um eliminado, “ball count” (contagem de bolas arremessadas: 3 – 1. No momento em que o batedor iniciou o “swing”* para rebater o arremesso seguinte, o receptor saiu à frente do “home plate” e o estorvou. O corredor da 3ª base, que estava tentando um “steal of home” (roubo de “home”), foi eliminado pouco antes de alcançar a base. Que decisão deve ser dada a este caso?

Deve ser imputado um “balk” ao arremessador (aos corredores deve ser concedida uma base), e o batedor, autorizado a ir à 1ª base em razão da falta cometida pelo receptor. A bola torna-se morta.

[Regra 6.01 (g) – vide NOTAS 1, 2, 3 e 4, DEFINIÇÕES DE TERMOS: “INTERFERENCE” (INTERFERÊNCIA) (b)]

*“Swing” = Girar, rodar etc. É o ato de girar (rodar) o "bat" para tentar rebater a bola arremessada.

terça-feira, 22 de dezembro de 2020

ARREMESSO ILEGAL COM CORREDORES EM BASE

Ocorreu num jogo de beisebol. Corredor na 2ª e na 3ª bases, um eliminado. O batedor rebateu um arremesso feito ilegalmente e chegou à 1ª base; o corredor da 3ª base pisou o “home plate”, e o da 2ª base foi eliminado por toque pouco antes de chegar à 3ª base.

Deve ser declarado um “balk”. A bola torna-se morta e os corredores devem avançar uma base, sem o risco de serem eliminados. Se o corredor da 2ª base tivesse conseguido avançar com segurança, a falta cometida pelo arremessador não seria levada em consideração.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: “ILLEGAL PITCH” (ARREMESSO ILEGAL) – vide NOTA, Regras: 5.06 (c) (3), 6.02 (a) (5), Regra 6.02 (a) – PENALIDADE]

domingo, 20 de dezembro de 2020

CBBS CT 2021

MLB – DECISÃO “OUT” CONFIRMADA

A bola rebatida foi parar na cerca do “right field” (jardim direito). O batedor-corredor chegou à 2ª base, mas foi declarado “OUT” (quando levantou o pé esquerdo após pisar a base, foi tocado por um defensor). Houve reclamação. A decisão foi confirmada na revisão da jogada.

Veja o lance clicando aqui: https://www.youtube.com/watch?v=YZF6jL0Tq98 (no trecho 1:19 – 1:56).

sexta-feira, 18 de dezembro de 2020

TERCEIRO “STRIKE” – RECEPTOR NÃO AGARRA A BOLA

Corredor na 1ª base, um “out”, contagem de arremessos: 2 – 2. O batedor tentou rebater o arremesso seguinte, mas não teve êxito –a bola passou sem ter contato com o “bat” e foi ao solo após tocar a luva do receptor. Ao ver o batedor avançando à 1ª base, o corredor também avançou, e pouco antes de chegar à 2ª base foi tocado pelo interbases, que recebera a bola lançada pelo receptor.

O batedor é “out” (com menos de duas eliminações e a 1ª base ocupada, o terceiro “strike” não foi agarrado pelo receptor)

[Regra 5.09 (a) (3)]

O corredor também é “out” (com a bola viva, foi tocado enquanto estava fora de sua base.

[Regra 5.09 (b) (4)

quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

SUBSTITUIÇÃO NÃO ANUNCIADA

Primeira metade do quinto “inning”. O jogador que entrou no jogo como substituto do defensor da 3ª base –sem ser anunciado– eliminou o batedor-corredor na 1ª base. O técnico da equipe na ofensiva reclamou. A jogada deve ser anulada?

Não. A jogada é válida. (Um defensor é considerado dentro do jogo quando chega à posição que o jogador substituído ocupava normalmente, e o árbitro reinicia o jogo.)

[Regra 5.10 (j) (3)]

segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

“BASE ON BALLS” – BATEDOR ULTRAPASSA A 1ª BASE APÓS PISÁ-LA

O batedor autorizado a ir à 1ª base por quatro “balls” ultrapassou a ‘almofada’ após pisá-la, e antes de retornar, foi tocado pelo defensor da 1ª base, que estava com a bola que lhe foi lançada pelo receptor.  O batedor-corredor deve ser eliminado?

Não. Ele poderá ser eliminado se não retornar imediatamente à base, ou se tentar correr para a 2ª base.

[Beisebol – Regras: 5.09 (b) 4 - EXCEÇÃO (vide NOTA 1) , 5.09 (b) (11), 5.09 (c) (3)]

[Softbol – Regras: 5.10.3 (a) (ix), 5.10.4 (j)]

sábado, 12 de dezembro de 2020

MLB – BATEDORES LEVANDO BOLADA NA CABEÇA

Clique aqui (https://www.youtube.com/watch?v=CNDVRS4PR1I) e veja os casos mostrados no vídeo.

O batedor torna-se um corredor e adquire o direito de ir à 1ª base, sem o risco de ser eliminado (desde que avance e toque a 1ª base), quando é atingido por uma bola arremessada que ele não tenha tentado rebater, a menos que (A) isso tenha ocorrido na zona de “strike”, ou (B) ele não tenha tentado se esquivar da bola.

[Regra 5.05 (b) (2)]

Se o árbitro julgar que o arremessador jogou a bola, intencionalmente, no corpo do batedor, poderá tomar qualquer das seguintes medidas:

(A) expulsar o arremessador, ou o técnico e o arremessador, do jogo, ou

(B) advertir o arremessador e o técnico de ambas as equipes de que outro arremesso dessa natureza resultará na expulsão imediata desse arremessador (ou um substituto) e do técnico.

Se, na opinião do árbitro, as circunstâncias justificam, ambas as equipes podem ser “advertidas” oficialmente antes do jogo ou a qualquer momento durante o jogo.

(Presidentes de Ligas podem tomar medidas adicionais de acordo com autoridade estipulada na Regra 8.04.)

Arremessar na cabeça de um batedor é antidesportivo e extremamente perigoso. Deve ser –e é– condenado por todos. Os árbitros devem agir sem hesitação na aplicação desta regra.

[Regra 6.02 (c) (9)]

quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

BOLA REBATIDA DESVIA AO ATINGIR O “PITCHER’S PLATE”

O arremessador tentou apanhar a bola rebatida (“line drive”), mas não conseguiu; a bola, sem ter contato com ele, atingiu o “pitcher’s plate” e foi rolando em direção ao território “foul” entre o “home base” e a 1ª base. O defensor da 1ª base tentou apanhá-la antes de ela sair do território “fair”, mas não teve êxito (a bola tocou sua luva e passou a linha de “foul”). É “fair ball” ou “foul ball”?

É “fair ball”.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: Comentário – (“FOUL BALL”)]


terça-feira, 8 de dezembro de 2020

BOLA REBATIDA DESVIA AO ATINGIR O “PITCHER’S PLATE”

O arremessador tentou apanhar a bola rebatida (“line drive”), mas não conseguiu; a bola, sem ter contato com ele, atingiu o “pitcher’s plate” e desviou para o território “foul”, antes de passar a 1ª base. É “fair ball” ou “foul ball”?

É “foul ball”.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: Comentário – (“FOUL BALL”)]

domingo, 6 de dezembro de 2020

MLB – DEFENSOR ESCONDE A BOLA NO BOLSO DA CALÇA

Rebatida indefensável (“fair ball”). A bola toca a cerca lateral do "left field” (jardim esquerdo) e rola para o território “fair”. O batedor-corredor chega à 2ª base. O defensor da 2ª base recebe a bola que lhe foi lançada pelo jardineiro esquerdo e tenta enganar o corredor, escondendo-a no bolso da calça.

Veja o lance clicando aqui: https://www.youtube.com/watch?v=hQ253hK5vdk (no trecho 3:01 – 3:18).

A partir de 2019: Se uma bola é colocada, intencionalmente, dentro do uniforme de um jogador (por exemplo: no bolso da calça), com o propósito de enganar um corredor, o árbitro deve declarar “TIME” e conceder pelo menos uma base –ou mais, se, na sua opinião, a falta cometida pelo defensor justifica uma pena maior– a todos os corredores.

[Comentário – Regra 5.06 (c) (7)]

sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

BATEDOR SAI DO “BATTER’S BOX”

Corredor na 3ª base, dois eliminados, contagem de arremessos: 1 – 2 (um “ball” – dois “strikes”). Quando o arremessador iniciou os movimentos de arremesso, o batedor saiu repentinamente do “batter’s box”. Devido a isso, o arremesso não foi completado. Deve ser declarado um “balk”?

Não. O árbitro deve declarar “Time” e ordenar que ambos comecem novamente desde o princípio.

[Comentário – Regra 5.04 (b) (2)]

Se o arremessador tivesse efetuado o arremesso, seria declarado “BALL” ou “STRIKE”, de acordo com a apreciação do árbitro.

[Regra 5.04 (b) (2) – PENALIDADE]

quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

CONCESSÃO DE BASES

Corredor na 1ª base, um “out”. “Ground Ball” em direção ao espaço entre os defensores da 2ª base e 1ª base. Este conseguiu parar a bola, atirando-se ao chão, e lançou ao interbases, mas o corredor chegou deslizando à base e foi declarado “SAFE”. A bola lançada pelo  interbases para tentar eliminar o batedor-corredor tocou o solo e pulou para fora do campo.

A bola torna-se morta. Como o lançamento do interbases não foi a primeira jogada de um defensor do campo interno, o corredor e o batedor-corredor podem avançar duas bases a partir de onde se encontravam no momento em que o lançamento descontrolado foi efetuado (o corredor anota ponto e ao batedor-corredor deve ser concedida a 2ª base).

[Regra 5.06 (b) (4) (G)]

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

OBSTRUÇÃO

Todas as vezes que ocorre uma Obstrução a bola fica morta. Correto?

Não.

A bola fica morta se a falta é cometida por um defensor enquanto está ocorrendo uma jogada sobre o corredor obstruído, ou se o batedor-corredor é obstruído antes de tocar a 1ª base. Nesse caso, o corredor/ batedor-corredor pode avançar, sem o risco de ser eliminado, às bases que, na opinião do árbitro, teria alcançado se o defensor não tivesse cometido a falta (ao corredor obstruído deve ser concedida pelo menos uma base além da última base tocada legalmente antes da Obstrução. Os corredores precedentes que forem forçados a deixar suas bases em razão Obstrução poderão avançar, sem o risco de serem eliminados.

[Regra 6.01 (h) (1)]

Se não estiver ocorrendo jogada sobre o corredor obstruído, o jogo deverá prosseguir, e somente depois que todas as ações estiverem concluídas, o árbitro deverá declarar “TIME” e impor as penalidades que, na sua opinião, anularão o ato da Obstrução. Nessa situação, um corredor obstruído pode avançar além da base a que tem direito, correndo o risco de ser eliminado.

[Regra 6.01 (h) (2), Comentário – Regra 6.01 (h) (2)]

sábado, 28 de novembro de 2020

CORREDOR NÃO PISA A 2ª BASE NO RETORNO À 1ª BASE

Dois eliminados, corredor na 1ª base. “Fly” na direção da linha de “foul” do “right field” (jardim direito). O jardineiro direito derrubou a bola após tocá-la com sua luva (decisão do árbitro da 1ª base: “FOUL BALL”). O corredor, que estava avançando à 3ª base, retornou, sem pisar a 2ª base. Se houver apelação, deve ser eliminado? 

Não. Quando a bola está morta, o corredor pode retornar diretamente para a base que estava ocupando.

[Regra 5.06 (b) (1))]

quinta-feira, 26 de novembro de 2020

INTERFERÊNCIA DA DEFENSIVA

Corredor na 2ª base. Apesar da Interferência cometida pelo receptor no momento em que fez “swing”, o batedor acertou um “base hit” (rebatida indefensável) e chegou à 1ª base. O corredor pisou o “home plate”, mas foi eliminado por ter omitido a 3ª base. O técnico da equipe na ofensiva pode optar pela penalidade da Interferência?

Não. Como o batedor chegou à 1ª base e o corredor avançou duas bases, a falta cometida pelo receptor não é levada em consideração.

[Beisebol – Regra 5.05 (b) (3), Comentário Regra 5.05 (b) (3)]

[Softbol – Regra 5.5.1 (d), Efeito: Regra 5.5.1 (d)]

No softbol, a falta cometida pelo receptor é tratada como Obstrução [Regra 5.1.32 (a)].

segunda-feira, 23 de novembro de 2020

“FAIR BALL” OU “FOUL BALL”?

O jardineiro esquerdo tentou apanhar um “fly” nas proximidades da linha de “foul”, mas derrubou a bola após tocá-la com sua luva. A bola estava em território “foul” quando foi tocada, mas o defensor estava em território “fair”.

É “foul ball”.

Um “fair fly” / “foul fly” deve ser julgado de acordo com a posição da bola em relação à linha de ”foul”, incluindo o poste de “foul”, e não pela posição do defensor –se ele está em território “fair” ou “foul”– no momento em que toca a bola.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: “FAIR BALL” (REBATIDA VÁLIDA), “FOUL BALL” (REBATIDA NULA)]

sábado, 21 de novembro de 2020

“FLY BALL” PASSA POR CIMA DA CERCA DO CAMPO EXTERNO

Fair Fly” para as proximidades do poste de “foul” do jardim esquerdo. Quando o jardineiro esquerdo saltou para efetuar a defesa, a bola bateu na ponta de sua luva e passou sobre a parte da cerca em território “foul”. É “foul ball”?

Não. O batedor deve ser autorizado a avançar duas bases. Se a bola tivesse passado sobre a cerca em território “fair”, seria um “home run”, a menos que essa cerca esteja situada num ponto com menos de 250 pés (76,199 m) do “home plate”; nesse caso, a concessão é de duas bases.

[Regra 5.05 (a) (9)]

quarta-feira, 18 de novembro de 2020

BOLA ARREMESSADA ATINGE O BATEDOR

Corredor na 2ª base, um “out”, contagem de arremessos: 1 – 2. O batedor tentou rebater o arremesso seguinte. Quando ele fez “swing”, a bola atingiu as mãos e foi rolando para o território “foul”. É “foul ball”?

Não. O batedor é “out” (“strikeout”). A bola torna-se morta.

Um batedor é eliminado quando tenta rebater um terceiro “strike” e a bola toca qualquer parte do seu corpo.

[Regra 5.09 (a) (6)]

A bola torna-se morta quando uma bola arremessada toca um batedor, ou a sua roupa, enquanto ele está posicionado legalmente no “batter’s box”.

[Regra 5.06 (c) (1)]

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

“INFIELD FLY” – DEFENSOR DERRUBA A BOLA

Corredor na 1ª e na 2ª bases, um out. Fly ao campo interno. Quando o interbases se posicionou para efetuar a defesa, o árbitro da 2ª base declarou “Infield Fly!” e eliminou o batedor. O defensor, porém, deixou a bola cair, intencionalmente, após tocá-la com a luva. Como a bola desviou em direção à ‘almofada’ da 2ª base, o corredor da 2ª base tentou chegar à 3ª base, mas foi eliminado por toque. O técnico da equipe na ofensiva reclamou, alegando que o correto seria aplicar a Regra 5.09 (a) (12) [Regra de Bola Derrubada Intencionalmente] e mandar o corredor retornar à 2ª base.

Reclamação improcedente.

Quando é declarado um Infield Fly, os corredores podem avançar a seu próprio risco. Se num Infield Fly declarado o defensor derrubar, intencionalmente, um fair fly, a bola continua em jogo, a despeito da Regra 5.09 (a) (12). A regra de Infield Fly terá prioridade.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: “INFIELD FLY”, Comentário - (“INFIELD FLY”)]

sábado, 14 de novembro de 2020

NÃO É “FOUL TIP”; É “FOUL BALL”

Contagem de arremessos: 0 – 2 (nenhum “ball” - dois “strikes”). O batedor tentou rebater o arremesso seguinte. A bola roçou levemente o “bat”, foi diretamente ao corpo do receptor e, no rebote, foi agarrada antes de tocar o solo. O batedor deve ser eliminado?

Não. Deve ser declarado um “foul ball”; seria eliminado se a bola tivesse tocado primeiro a mão ou a luva do receptor.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: “FOUL TIP”, Comentário – Regra 5.09 (a) (2), Comentário – Regra 5.09 (b) (5)]



CBBS - NOTÍCIA

 Academia WBSC

Acesse: cbbs.com.br

quinta-feira, 12 de novembro de 2020

“FOUL TIP”*

Quando o corredor da 1ª base estava tentando um “steal” (roubo de base), ocorreu um “foul tip”. O interbases, de posse da bola que lhe foi lançada pelo receptor, deu início a um “run-down play”*. Se o corredor conseguir chegar à 2ª base, deve ser declarado “safe”?

Sim, já que num “foul tip” a bola permanece em jogo.

Comentário – Regra 5.09 (b) (5): Os corredores não precisam retocar a base num “foul tip”. Eles podem roubar base num “foul tip”. Se um “tip” não é agarrado legalmente, torna-se um “foul” comum. Os corredores, então, têm de retornar a suas bases.

*“FOUL TIP” é uma bola rebatida que vai brusca e diretamente do “bat” às mãos do receptor e é agarrada legalmente. Se a bola vai do “bat” ao corpo, máscara ou protetor do receptor e, no rebote, é agarrada antes que toque o solo, a pegada não é legal, a menos que essa bola tenha tocado primeiro a sua mão ou o seu “mitt”. Se a bola não é agarrada legalmente, é um “foul ball”, e não um “foul tip”. Por cada “foul tip” é contado um “strike”. A bola permanece em jogo.

*“RUN-DOWN PLAY” (JOGADA DE PERSEGUIÇÃO) é uma jogada em que a defensiva tenta eliminar um corredor entre bases.

(DEFINIÇÕES DE TERMOS)

terça-feira, 10 de novembro de 2020

CORREDOR PISA O “HOME PLATE” DEPOIS DE OCORRIDO O TERCEIRO “OUT”.

Bases cheias, dois eliminados. O batedor foi autorizado a ocupar a 1ª base (“base on balls”). O corredor da 3ª base pisou o “home plate” depois que o da 2ª base foi eliminado por toque ao ultrapassar a 3ª base. Foi anotado ponto?

Sim. Isso porque, nesse caso, o direito do corredor da 3ª base avançar não é afetado, uma vez que ele já havia sido “empurrado” pelo batedor mandado à 1ª base.

[Comentário - Regra 5.06 (b) (3) (B)]

sábado, 7 de novembro de 2020

quinta-feira, 5 de novembro de 2020

BOLA ARREMESSADA TOCA O SOLO E PASSA PELA ZONA DE “STRIKE"

O batedor rebateu a bola arremessada que, após tocar o solo, estava passando pela zona de “strike” e chegou a salvo (“safe”) à 2ª base. A jogada é válida?

Sim.

Se o batedor rebate um arremesso que toca o solo primeiro, a ação seguinte deve ser a mesma de quando ele rebate uma bola em voo. 

[Comentário – Regra 5.05 (a)]

Um arremesso que toca o solo e passa pela zona de “strike” é um “ball”.

[Regra 5.05 (a) (3), DEFINIÇÕES DE TERMOS: “BALL” (BOLA)]

terça-feira, 3 de novembro de 2020

BOLA ARREMESSADA FICA ALOJADA NA MÁSCARA DO ÁRBITRO

Corredor na 3ª base, um eliminado, contagem de arremessos: 2 – 2 (dois “balls” – dois “strikes”). O batedor fez “swing” (girou o “bat”), mas não conseguiu rebater o arremesso. A bola passou sem ter contato com o “bat” e se alojou na máscara do árbitro. Nesse caso, a bola fica morta; o batedor é autorizado a ir à 1ª base, e o corredor anota ponto (concessão de uma base). Correto?

Sim.

[Regras: 5.05 (a) (2) (1), 5.06 (b) (4) (I)]

sexta-feira, 30 de outubro de 2020

FOI ANOTADO PONTO?

Corredor na 1ª e na 3ª bases, dois eliminados. O defensor da 2ª base apanhou a bola rebatida (“ground ball”) e tentou tocar o corredor da 1ª base, que estava avançando à 2ª base, mas não conseguiu na primeira tentativa –o corredor parou e deu alguns passos para trás; e quando finalmente conseguiu eliminá-lo, o corredor da 3ª base já havia pisado o “home plate”.

Nessa jogada não foi anotado ponto, porque a terceira eliminação ocorreu em Jogada Forçada.

[Regra 5.08 (a) – EXCEÇÃO (2)]

quarta-feira, 28 de outubro de 2020

FOI ANOTADO PONTO?

Bases cheias, dois eliminados. “Inside-the-park home run” (quadrangular em que a bola permanece dentro do campo). Os corredores e o batedor-corredor pisaram o “home plate”. O batedor-corredor, porém, foi eliminado em apelação por ter omitido a 1ª base.

Nessa jogada não foi anotado ponto, porque a terceira eliminação ocorreu sobre o batedor-corredor antes de ele tocar a 1ª base.

[Regra 5.08 (a) – EXCEÇÃO (1)]

segunda-feira, 26 de outubro de 2020

SUBSTITUIÇÃO DE ARREMESSADOR

Primeira metade do primeiro “inning”. O arremessador abridor fez dois arremessos descontrolados (“wild pitch”) ao primeiro batedor do jogo. O técnico, então, resolveu substituí-lo. O árbitro deve permitir tal alteração?

Não.

O arremessador abridor deve arremessar ao primeiro batedor, ou ao seu substituto, até que ele seja eliminado ou alcance a 1ª base, a menos que se machuque ou adoeça e o árbitro principal o considere incapacitado para continuar arressando.

[Regra 5.10 (f)]

sexta-feira, 23 de outubro de 2020

BATEDOR É “OUT”

Rebatida “line drive”*. A bola atingiu o pé do arremessador e, sem tocar o solo, desviou; o defensor da 1ª base apanhou-a no ar. O batedor-corredor deve ser declarado “OUT”?

Sim, porque houve pegada legal (“catch”).

[Comentário - (“CATCH”)]

quarta-feira, 21 de outubro de 2020

DEFENSOR DA 1ª BASE APANHA UM “FLY” COLOCANDO UM PÉ DENTRO DO “DUGOUT”

O defensor da 1ª base estava com um pé sobre o solo dentro do “dugout” quando apanhou um “fly”. A pegada é válida?

Não.

Para apanhar um “fly” nas proximidades de um “dugout”, o defensor tem de estar com um ou ambos os pés na/sobre a superfície do campo de jogo, incluindo a beira do “dugout” (nenhum dos pés pode estar sobre o solo dentro do “dugout”).

Se um defensor cai para dentro do “dugout” após apanhar uma bola “fly”, a bola fica morta; e se isso acontecer quando há corredor(es) em base, cada um será autorizado a avançar uma base, sem o risco de ser eliminado.

[Comentário – Regra 5.09 (a) (1), Regra 5.06 (b) (3) (C), Comentário – Regra 5.06 (b) (3) (C)]

segunda-feira, 19 de outubro de 2020

ARREMESSADOR REMOVIDO PARA OUTRA POSIÇÃO

O arremessador que havia sido removido para a 2ª base, no quinto “inning”, retornou à posição no mesmo “inning”. Como seu desempenho não estava satisfatório, o técnico mandou-o de volta para a 2ª base. Isso é legal?

Não.

Comentário – Regra 5.10 (d): Um arremessador pode mudar para outra posição somente uma vez durante o mesmo “inning”; por exemplo: o arremessador não será autorizado a assumir outra posição que não seja a de arremessador mais de uma vez no mesmo “inning”.

sábado, 17 de outubro de 2020

BATEDOR ENTRA NO “BATTER’S BOX” LEVANDO UM “BAT” ALTERADO

Um batedor não deve ser eliminado só pelo fato de ter entrado no “batter’s box” levando um “bat” alterado. Correto?

Não. Além de ser declarado “out”, deve ser expulso do jogo e poderá estar sujeito a penalidades adicionais determinadas pelo Presidente da Liga. Isso porque ele é considerado como se tivesse infringido a Regra 6.03 (a) (5), ou seja, usado ou tentado usar esse “bat” ilegal.

[Comentário – Regra 6.03 (a) (5)]

quinta-feira, 15 de outubro de 2020

REGRA DE “INFIELD FLY”

Softbol

Corredor na 1ª e na 2ª bases. “Fly” em direção ao defensor da 1ª base. Quando ele se preparou para apanhar a bola, o sol atrapalhou sua visão; a bola foi ao solo e rolou para as proximidades da linha de “foul”. Vendo isso, os corredores iniciaram a corrida simultaneamente e avançaram uma base. O técnico da equipe na defensiva reclamou ao árbitro da 1ª base, alegando que ele deveria ter aplicado a regra de “Infield Fly”. A reclamação foi aceita; o batedor foi declarado “OUT”.

(Regra 5.1.26 “INFIELD FLY”)

No softbol, a orientação é no sentido de aplicar a regra, mesmo que os árbitros não se manifestem sobre o lance, desde que a jogada preencha todas as condições de um “Infield Fly”.

No beisebol, a regra de "Infield Fly" deve ser aplicada somente quando os árbitros se manifestam sobre o lance.


[DEFINIÇÕES DE TERMOS: “INFIELD FLY” - vide NOTA]