terça-feira, 31 de maio de 2022

ÁRBITROS DE SOFTBOL

 INFRAÇÕES E PENALIDADES

a) Os jogadores, “coaches” ou técnicos não devem fazer comentários depreciativos ou insultuosos para/sobre os jogadores adversários, dirigentes ou espectadores, ou cometer outros atos que possam ser considerados como uma conduta antidesportiva.

b) Penalidade para infrações cometidas por um jogador: o infrator deve ser removido ou expulso do jogo imediatamente.

c) A penalidade para infrações cometidas por um técnico, “coach” ou outro dirigente da equipe será:

1) na primeira falta, o infrator pode ser advertido;

2) na reincidência, ou se a primeira infração é considerada grave demais pelo árbitro, o infrator é expulso.


NOTA: Na eventualidade de o “coach” principal (técnico) ser expulso do jogo, ele deve submeter à apreciação do árbitro o nome da pessoa que assumirá as obrigações do “coach” principal pelo resto do jogo.


d) Um jogador removido do jogo pode permanecer no “bench”, mas não deve mais participar do jogo, exceto como um “coach”.

e) Um jogador (técnico, “coach” ou outro dirigente da equipe) expulso do jogo deve ir diretamente para o vestiário e ficar lá pelo resto do jogo, ou retirar-se do campo.

f) Se uma pessoa assim removida ou expulsa não deixar o jogo, imediatamente, justificará um confisco do jogo (“forfeited game”).

segunda-feira, 30 de maio de 2022

MOVIMENTAÇÃO DOS ÁRBITROS EM REBATIDAS “FLY” PARA O CAMPO EXTERNO (SISTEMA DE QUATRO ÁRBITROS)

 COM CORREDOR NA 2ª BASE

O ÁRBITRO DA 2ª BASE VAI ATRÁS DA BOLA REBATIDA

Árbitro de ”home”: Permanecer na sua posição. Estar prevenido para uma jogada no “home plate”.

Árbitro da 1ª base: Observar o batedor-corredor písar a 1ª base. Estar prevenido para cobrir a 2ª base.

Árbitro da 3ª base: Observar o “tag-up” do corredor da 2ª base. Estar prevenido para uma jogada na sua base.

domingo, 29 de maio de 2022

REGRAS ESPECIAIS DA LITTLE LEAGUE (MAJORS)

Corredor de emergência especial

Uma vez em cada “inning” uma equipe pode utilizar um jogador que não figura na escalação da equipe, como um corredor de emergência (“pinch-runner”) especial para qualquer jogador da ofensiva. Um jogador pode ser removido por um corredor de emergência especial somente uma vez durante um jogo. O jogador por quem o “pinch-runner” corre não está sujeito a ser removido da escalação da equipe (não é considerado um jogador substituído). Se o “pinch-runner” permanecer no jogo como um jogador substituto –na defensiva ou na ofensiva–, ele não poderá ser usado novamente como um corredor de emergência enquanto estiver na escalação da equipe. Entretanto, se for removido por outro substituto, poderá atuar novamente como corredor de emergência especial.

sábado, 28 de maio de 2022

TERMOS USADOS NO BEISEBOL/SOFTBOL BRASILEIRO (Observação: * Indica que o termo é japonês ; **indica que o termo é inglês; todos os termos estão escritos como eles são pronunciados; o H tem o som forte)

PAAHUIKUTO GUEEMU [Vem de PERFECT GAME** (p’aafikt gueim), que quer dizer jogo perfeito. (PERFECT GAME = KANZEN SHIAI*)

PASSU BOORU [Vem de PASSED BALL** (paast bóól). É uma bola arremessada que passa para trás do receptor, mas que poderia ter sido apanhada ou controlada com um esforço normal.]

PINTCHI HITTA [Vem de PINCH HITTER** (pintch h’ita), termo usado para designar um batedor que entra no jogo numa situação de emergência.]

PINTCHI RANNA (o R não tem o som forte) [Vem de PINCH RUNNER** (pintch r’âna), termo usado para designar um corredor que entra no jogo numa situação de emergência.]

PITCHA [Vem de PITCHER** (p’itcha), que quer dizer arremessador. É o defensor designado para arremessar bolas aos batedores.] (PITCHER = TOOSHU*)

PITCHAS PUREETO [Vem de PITCHER’S PLATE** (p’itcha´s pleit), que quer dizer placa do arremessador.] [PITCHER’S PLATE = TOOSHUBAN* (TOOSHU* = arremessador; BAN* = placa]

PITCHI [Vem de PITCH** (pitch), que quer dizer arremesso. É uma bola que o arremessador atira ao batedor.] (PITCH = TOOKYUU*)

PITCHINGU [Vem de PITCHING** (’itching). É o ato de arremessar, de atirar a bola ao batedor.]

PLEI BOL [Vem de PLAY BALL** (plei bóól). Significa pôr a bola em jogo.] É a ordem do árbitro de home para iniciar o jogo, ou para reiniciá-lo depois que a bola se torna morta.

POTEN HITTO* [É aquela bola mau rebatida (um fly) que resulta em hit (rebatida indefensável).]

PUREETO [Vem de PLATE** (pleit), que quer dizer placa.]

PUREIYA [Vem de PLAYER** (pl’eia), que quer dizer jogador.]

PUROTEKUTA [Vem de PROTECTOR** (prat’ekta), que quer dizer protetor. É um equipamento de segurança para proteger o tórax do receptor/árbitro de home.]

PUTTIAUTO [Vem de PUTOUT** (putaut), que quer dizer eliminação.]

PUUA [Vem de POOR** (pua), que significa pobre, fraco, mau, ruim, etc.. Num jogo de beisebol/softbol, há sempre alguém gritando: “BATTA PUUA!”, “PITCHA PUUA!”, etc.. BATTA PUUA, que vem de BATTER POOR** (b’ata pua), quer dizer batedor fraco, ruim, etc.. PITCHA PUUA, que vem de PITCHER POOR** (p’itcha pua), significa arremessador fraco, ruim, etc..]

sexta-feira, 27 de maio de 2022

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL - COMUNICADO

Regulamento – V Torneio Início de T-BOL – 2022

Acesse: cbbs.com.br

TERMOS USADOS NO BEISEBOL/SOFTBOL BRASILEIRO (Observação: * Indica que o termo é japonês ; **indica que o termo é inglês; todos os termos estão escritos como eles são pronunciados; o H tem o som forte)

OBUSTORAKUSHON [Vem de OBSTRUCTION** (abstr’akshan), que quer dizer obstrução. É o ato de um defensor que, sem estar de posse da bola e sem estar em ação para apanhar a bola, impede o avanço de um corredor.]

OKURI BANTO [Significa mandar um corredor à base seguinte através de bunt .] OKURI* = ato de mandar, enviar; BANTO = BUNT** (bant). OKURI BANTO = SACRIFICE BUNT** (s’akrifais bant) = bunt de sacrifício.

OOBA [Vem de OVER** (‘ouva), que significa por cima de, acima de, sobre, etc.. Quando alguém diz que uma bola rebatida fez OOBA, está se referindo àquela rebatida em que a bola passa por cima de (acima de, sobre) um defensor.]

OOBARAN [Vem de OVERRUN** (ouvar’an), que quer dizer atravessar correndo. Usa-se esse termo quando um corredor ultrapassa a base correndo.]

OOBA SUROO [Vem de OVER THROW** (‘ouva srou), que quer dizer atirar a bola por cima.]

ORUDO BOI [Vem de OLD BOY** (ould bói), que significa veterano.]

OSHIDASHI* [É aquele lance em que, com as bases cheias, o batedor adquire o direito de ir à 1ª base (ball four) e permite que o corredor da 3ª base anote ponto.] (OSHIDASHI = ato de empurrar o corredor da 3ª base para home)

quinta-feira, 26 de maio de 2022

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL - COMUNICADO

 

XV Sulamericano de Softbol Feminino Adulto – 2022 (Tabela)

Acesse: cbbs.com.br

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL - NOTÍCIA

Resultado – VII Campeonato Brasileiro de Beisebol Interclubes Veteranos – 70 anos – 2022

Acesse: cbbs.com.br

 

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL - NOTÍCIA


Resultado – XV Taça Brasil Interclubes de Beisebol Pré-Júnior – 2022

Acesse: cbbs.com.br

REUNIÃO MENSAL DA AAABSB

Boa noite Srs. Associados,

Convidamos os Srs. para a Reunião Mensal da AAA, a ser realizada no dia 01/06/2022, das 19:00h às 20:30h, no Estádio Municipal do Bom Retiro, para tratarmos dos seguintes assuntos:
.Campeonatos Nacionais realizados no mês de maio;
.Início do Campeonato Paulista Adulto, com mecânica de 3   árbitros;
.Campeonatos regionais;
.Torneios categoria Infantil nos Clubes;
Outros assuntos relacionados aos associados.

Att.
Diretoria AAA

REGRAS ESPECIAIS DA LITTLE LEAGUE (MAJORS)

 "Time" da equipe na ofensiva

Será permitido um “Time” em cada “inning”.

                         Terceiro “strike” não agarrado

O batedor é eliminado automaticamente.

                       Um corredor deve ser eliminado:

a) Quando não desliza ou não tenta evitar um defensor que, de posse da bola, está esperando para tocá-lo.

b) Quando desliza com a cabeça erguida e os braços esticados na direção da base enquanto avança (“head sliding”).

     Corrredor: saída de base quando o arremessador, de       posse da bola, está em contato com o "pitcher's plate, e o receptor está no "catcher's box", pronto para receber o arremesso 

Os corredores não devem deixar suas bases até que a bola arremessada tenha alcançado o batedor.

Quando um corredor deixa a base antes que a bola arremessada tenha alcançado o batedor, e

a) o batedor não rebate a bola, é permitido que esse corredor continue. Se ocorrer uma jogada sobre o corredor e ele for eliminado, a eliminação será mantida; se não for eliminado, deverá retornar à base que estava ocupando antes de ser efetuado o arremesso.

b) o batedor rebate a bola, é permitido que esse corredor continue. Se ocorrer uma jogada e o corredor for eliminado, a eliminação será mantida; caso não seja eliminado, deverá retornar à base original ou à base desocupada mais próxima daquela que deixara.

c) o batedor executa “bunt” ou rebate a bola ao campo interno, nenhum corredor deve ser autorizado a anotar ponto. Se as bases estiverem cheias e o batedor chegar “safe” à 1ª base, cada corredor deverá avançar uma base além daquela que ocupava no início da jogada, exceto o corredor que estava na 3ª base,o qual deverá ser removido sem anotar ponto – nenhuma eliminação deve ser imputada.

Quando um árbitro descobre que um corredor está deixando a base antecipadamente, esse árbitro deve jogar uma bandeirola ou um lenço ao solo, imediatamente, para indicar a infração.

quarta-feira, 25 de maio de 2022

BEISEBOL - MITOS (10)

SE O ARREMESSADOR PARA DEPOIS DE INICIAR OS MOVIMENTOS DE ARREMESSO QUANDO AS BASES ESTÃO DESOCUPADAS, O ÁRBITRO DEVE DECLARAR UM “BALL”.

Quando não há corredor(es) em base, nenhuma penalidade deve ser aplicada. Se, nesse lance, a bola escapar da mão do arremessador e cruzar a linha de “foul”, será declarado um “ball”; se não cruzar a linha de “foul”, nenhum lance será declarado.

TERMOS USADOS NO BEISEBOL/SOFTBOL BRASILEIRO (Observação: * Indica que o termo é japonês ; **indica que o termo é inglês; todos os termos estão escritos como eles são pronunciados; o H tem o som forte)

NAIS [Vem de NICE** (nais), que quer dizer bom/boa, bonito/bonita, belo/bela.] NAIS BANTO vem de NICE BUNT** (nais bânt) = bom bunt; NAIS BATTINGU, de NICE BATTING** (nais b’ating) = boa rebatida; NAIS BOORU, de NICE BALL** (nais bóól) = boa bola, bonita bola, bela bola; NAIS HITTO, de NICE HIT** (nais hit) = bom hit, bonito hit, belo hit; NAIS PITCHINGU, de NICE PITCHING** (nais p’itching) = bom arremesso; NAI PUREI, de NICE PLAY** (nais plei) = boa jogada, bonita jogada, bela jogada; NAIS SEN (escolha) ou NAIS SENKYUU* (escolha de bola)de NICE** (nais) SEN* (escolha) ou NICE** (nais) SENKYUU* (escolha de bola) = boa escolha de bola; NAIS PITCHA (ou NAIS PII), de NICE PITCHER** (nais p’itcha) = bom arremessador; NAIS KYATCHA, de NICE CATCHER** (nais k’atcha) = bom receptor, etc., etc..

NAIYA* [Quer dizer campo interno [NAI (uti) = interno; YA (no) = campo]. O jogador que ocupa uma posição no campo interno é NAIYASHU* [NAIYA = campo interno; SHU = pessoa; NAIYASHU = pessoa que ocupa uma posição no campo interno. [NAIYA = INFIELD** (‘infiild); NAIYASHU = INFIELDER** (‘infiilda)]

NAIYA* FURAI [Vem de NAIYA* FLY** (flai). Significa rebatida fly para o campo interno.] PITCHA FURAI = rebatida fly na direção do arremessador; KYATCHA FURAI = rebatida fly na direção do receptor; FASTO FURAI = rebatida fly na direção do defensor da 1ª base; SECANDO FURAI = rebatida fly na direção do defensor da 2ª base; SAADO FURAI = rebatida fly na direção do defensor da 3ª base; SHOOTO FURAI rebatida fly na direção do interbases.

NAIYA* GORO [Vem de NAIYA* GROUND** (graund). Significa rebatida ground para o campo interno. PITCHA GORO (ou PII GORO) = rebatida ground na direção do arremessador; FASTO GORO = rebatida ground na direção do defensor da 1ª base; SECANDO GORO = rebatida ground na direção do defensor da 2ª base; etc., etc..

NAIYA* HITTO [Vem de NAIYA HIT** (hit). Significa rebatida para o campo interno por meio da qual o batedor-corredor alcança a 1ª base, com segurança (safe), sem que tenha ocorrido erro na ação defensiva.]

NIRUIDA [Significa rebatida de duas bases (NI = dois, duas; RUI = base, bases; DA (utsu) = bater, rebater, rebatida.]

NOKKU [Vem de KNOCK** (nók), que significa ação de bater, bater em, etc.. É o treinamento de defesa por meio de bolas batidas pelo treinador.]

NOKKU BATTO [Vem de KNOCK BAT** (nók bat). É um bat especial para treinadores.]

NOO [Vem de NO** (nou), que quer dizer não, nenhum, nenhuma, etc.. NOO AUTO: vem de NO OUT** (nou aut) = nenhum eliminado, nenhuma eliminação; NOO BOORU: vem de NO BALL** (nou bóól) = nenhum ball; NOO KAUNTO: vem de NO COUNT (nou kaunt) = não se conta, não é contado; NOO DAN: vem de NO DOWN** (nou daun) = nenhum abatido (nenhum jogador da ofensiva eliminado, nenhuma eliminação); NOO EERA, de NO ERROR** (nou ‘era) = nenhum erro, sem erro; NOO GUEEMU, de NO GAME** (nou gueim) = jogo anulado, jogo sem validade; NOO HITTO, de NO HIT** (nou hit) = nenhuma rebatida indefensável; NOO PUREI, de NO PLAY* (nou plei) = JOGADA NULA; NOO RANNA (o R não tem o som forte), de NO RUNNER** (nou r’ana) = nenhum corredor; NOO SUTORAIKU, de NO STRIKE** (nou strike) = nenhum strike; NOO TATTI, de NO TOUCH** (nou tâtch) = não tocou (quando o defensor não consegue tocar o batedor-corredor/corredor com a bola), etc., etc..

NOO BAUNDO [Vem de NO BOUND** (nou baund), que significa nenhum pulo, nenhum salto, nenhum ricochete.Quando um defensor apanha uma bola (fly ou liner) antes que ela toque o solo, dizemos que ele agarrou NOO BAUNDO.

terça-feira, 24 de maio de 2022

ARBITRAGEM EM SOFTBOL

  INSTRUÇÕES BÁSICAS  

a) Conferir o círculo do arremessador.  

b) Colocar o saquinho de breu no chão, atrás do “pitcher’s plate”.

c) Contar os arremessos de aquecimento.

d) Observar como o arremessador recebe os sinais do receptor e qual a posição dos seus pés sobre o “pitcher’s plate”.

e) Observar a regra dos vinte segundos.

f) Observar os movimentos do arremessador e verificar se ele fica completamente parado (no mínimo dois segundos e não mais do que dez segundos).

g) Observar o passo que o arremessador dá com o seu pé livre na hora de completar o arremesso.

h) Não permitir que deixem qualquer equipamento (máscara, “bat”, capacete, etc.) caído no chão.

i) Não permitir que os batedores saiam constantemente do “box”. Quando for permitida a saída, exigir que eles fiquem bem perto do “box”.

j) Quando o batedor gira o “bat”, não deve declarar “Strike”! (deve fazer somente o gesto), nem há necessidade de apontar (deve apontar somente no “half swing”).

l) Não precisa ter pressa em tirar a máscara do rosto; poderá fazê-lo quando estiver em movimento para uma direção. Deve tirar a máscara sempre com a mão esquerda; se tirar com a mão direita, deve passá-la rapidamente para a mão esquerda. A máscara nunca deve ser colocada

debaixo do braço. Para limpar o “home plate”, deve tirar a máscara e levá-la para trás do corpo.

m) Para entrar no quadrilátero após uma rebatida, deve movimentar-se sempre pela esquerda, porque o receptor, ao sair de sua posição, tem tendência de ir para a direita.

n) Não precisa indicar a contagem de bolas a cada arremesso. Deve fazê-lo sempre que o batedor tiver três “balls” e/ou dois “strikes”.

o) Para chamar o batedor, deve fazer o gesto com a mão esquerda quando o batedor é destro, e com a mão direita quando o batedor é canhoto. Para mandar o arremessador aguardar a autorização para arremessar e para ordenar “Play Ball”! ou “Play”!, deve fazer o gesto com a mão direita quando o batedor é destro, e com a mão esquerda quando o batedor é canhoto. Deve estar em pé quando faz esses gestos.

p) Num “wild pitch” ou “passed ball”, ou num “catcher’s fly”, deve sair de sua posição (para a direita ou para a esquerda, conforme a direção da bola) para não estorvar o receptor (observar a movimentação do receptor). Deve tirar a máscara do rosto no momento certo (esperar até que o receptor tire a máscara) e observar a bola.

q) Observar se o corredor pisa o “home plate”.

r) Momento oportuno para ordenar “Time”!

s) Indicar ao anotador oficial se o ponto é válido ou não.

t) Gestos e “Call”: “Play Ball” (“Play”), “Time”, “Strike”, “Ball”, “Out”, “Safe”, “Fair”, “Foul”, “Foul Tip”, “Hit by Pitch”, Obstrução, Bola Morta Demorada, interferência, Bola Morta, “Infield Fly” , Possível “Infield Fly”, Cancelamento da senha de Possível “Infield Fly”, Consulta sobre “Half Swing”, Indicação de quantidade de “Ball” e “Strike”, Indicação de quantidade de eliminações, etc., etc..

TERMOS USADOS NO BEISEBOL/SOFTBOL BRASILEIRO (Observação: * Indica que o termo é japonês ; **indica que o termo é inglês; todos os termos estão escritos como eles são pronunciados; o H tem o som forte)

MANEEJAA [Vem de MANAGER** (m’anidja), que quer dizer gerente, técnico. É a pessoa designada pelo clube para ser o responsável pelas ações dos jogadores no campo, e para representar a equipe nas comunicações com os árbitros e com a adversária.] MANAGER = KANTOKU*. Entre nós, esse termo é usado para designar a pessoa que cuida da administração da equipe. 

MANRUI* (o R não tem o som forte) [Significa bases cheias (MAN = cheia, cheias; RUI = base, bases.]

MANRUI* HOOMU RAN [É aquela jogada conhecida por GRAND SLAM** (grand slam); o batedor acerta um home run quando as bases estão cheias.GRAND SLAM significa êxito completo. O R dos termos MANRUI e HOOMU RAN não tem o som forte.

MASSUKU [Vem de MASK** (maask), que quer dizer máscara. É um equipamento de segurança para proteger o rosto, as orelhas e a garganta do receptor/árbitro de home.]

MEMBA [Vem de MEMBER** (m’emba), que quer dizer membro. TIIMU MEMBA = TEAM MEMBER** (tiim m’emba) = membro de uma equipe.]

MIITO [Vem de MEET** (miit), do termo MEET POINT** (miit point), que quer dizer ponto de contato. Para mandar o batedor procurar o melhor ponto de contato do bat com a bola, o coach costuma dizer: “MIITO!”, ou “DJASTO MIITO!” [JUST MEET** (djast miit)]que quer dizer somente contato].

MINOGASHI SANSHIN* [Usamos esse termo quando o batedor é eliminado sem girar o bat no terceiro strike, ou seja, deixando passar (escapar) o terceiro strike.] [MINOGASHI* = ato de deixar passar, escapar; SANSHIN* = eliminação por três strikes]

MISSU [Vem de MISS** (mis), que quer dizer erro, errar.]

MISSUPUREI [Vem de MISPLAY** (mispl’ei), que quer dizer jogada errada, má jogada.]

MITTO [Vem de MITT** (mit), um tipo especial de luva que oferece maior proteção à mão de uma pessoa.] No beisebol/softbol, há mitto para receptor e também para defensor da 1ª base.

MOOSHON [Vem de MOTION** (m’oushan), que quer dizer movimento, gesto, etc..Esse termo é usado principalmente quando o arremessador faz algum movimento relacionado com seu arremesso.]