sábado, 15 de dezembro de 2012

BOLA ARREMESSADA ATINGE O BATEDOR

(a) O árbitro de home deve observar em que circunstâncias o batedor foi atingido pela bola arremessada e tomar uma das seguintes decisões:
 
1)      Se o incidente ocorreu fora da zona de strike, e o batedor tiver tentado evitar ser atingido, deverá conceder-lhe a 1ª base; se o batedor não tiver tentado se esquivar da bola, deverá declarar um ball.
 
2)      Se a bola estava na zona de strike quando atingiu o batedor, deverá declarar um strike, independente de ele ter tentado evitar a bola ou não.
 
A posição do batedor –à frente ou atrás do home plate– quando é atingido por um arremesso strike não é levada em consideração. 
 
Mesmo nos casos em que o arremesso atinge o batedor, fora da zona de strike, o árbitro poderá declarar um strike se julgar que esse arremesso passaria na zona de strike não fosse o contato com o batedor, independente de o batedor ter tentado fugir da bola ou não.
 
Somente o árbitro de home pode julgar e decidir se o batedor tentou ou não evitar ser atingido pelo arremesso; se ele achar que o hit by pitch (detto booru) foi inevitável devido à natureza da bola arremessada, deverá conceder-lhe a 1ª base.
 
Quando um arremesso toca o solo e atinge o batedor, apesar de ele ter tentado fugir da bola, o árbitro deve conceder-lhe a 1ª base. Exclui-se, entretanto, o caso em que o batedor é atingido por um arremesso que toca o solo após ter passado pela zona de strike.
 
(b) Todas as vezes que uma bola arremessada atinge um batedor a bola torna-se morta e nenhum corredor pode avançar.
 
(c) HIT BY PITCH: O árbitro de home deve fazer o gesto de bola morta (o mesmo gesto de TIME), declarar “HIT BY PITCH!” (ou “DETTO BOORU!”), sinalizar a ocorrência e indicar a 1ª base ao batedor.   

Sem comentários:

Enviar um comentário