sexta-feira, 31 de março de 2017

DECISÃO EQUIVOCADA QUE DEVERIA SER CORRIGIDA

Aconteceu num jogo de beisebol da Categoria Veteranos.

A bola rebatida tocou o solo nas proximidades do home plate e foi para o território foul. O árbitro de home declarou “FOUL BALL!”, imediatamente. Ocorre que essa bola, enquanto estava rolando em direção à 1ª base, desviou ao tocar a parte do campo em que há um desnível e entrou na área fair.  O arremessador apanhou-a e lançou à 1ª base; o batedor-corredor foi declarado OUT. O árbitro de home, porém, manteve a decisão FOUL BALL e mandou o batedor voltar ao batter’s box. O técnico da equipe na defensiva reclamou veementemente, mas o árbitro não mudou sua decisão e deu prosseguimento à partida.

Como a bola desviou sem ter contato com qualquer objeto estranho ao terreno natural, o árbitro deveria ter corrigido a decisão FOUL BALL dada apressadamente, apontando para o território fair no momento em que o arremessador tocou a bola.

[Regra 2.00 “FOUL BALL”]

OBSERVAÇÃO: O árbitro não deve declarar FOUL BALL quando a bola está em movimento; deve fazê-lo somente depois que ela –enquanto está em ou sobre território foul– para ou toca o corpo de um árbitro ou jogador ou qualquer objeto estranho ao terreno natural.

Sem comentários:

Enviar um comentário