domingo, 15 de maio de 2016

CORREDOR TEMPORÁRIO (“TEMPORARY RUNNER”)

Aconteceu num jogo de softbol. Nenhum "out". O segundo batedor está na 2ª base. O terceiro e o quarto batedores foram eliminados (dois "outs"). O quinto batedor –receptor– acertou um “two-base hit” (rebatida de duas bases) e empurrou o corredor para “home”. O “coach” da equipe na ofensiva substituiu o corredor que acabara de alcançar a 2ª base –em seu lugar mandou o 4º batedor do “line-up”.
 
Ele valeu-se da Regra 1 – Seção 97 “Temporary Runner” (Corredor Temporário):  Corredor Temporário é um jogador que pode correr no lugar do receptor –que está atuando no jogo– quando este, com dois “outs”, está ocupando uma base. O uso de Corredor Temporário é opcional para o “coach” da equipe na ofensiva. O Corredor Temporário tem de ser o jogador que, no momento em que o “coach” opta pelo seu uso, é o último da ordem de batedores e não está ocupando uma base. 
 
Essa regra, em vigor a partir de 2014, foi criada para ajudar a acelerar o jogo (permite que o receptor esteja preparado e pronto para receber os arremessos de aquecimento no início do próximo “inning”).

Sem comentários:

Enviar um comentário