segunda-feira, 21 de março de 2016

BASE “COACH” PEDE “TIME” COM O PROPÓSITO DE TENTAR FAZER O ARREMESSADOR COMETER UM “BALK”

Corredor na 3ª base. No momento em que o arremessador levantou o braço para efetuar o arremesso, o “base coach” da 3ª base pediu “TIME”; devido a isso, o arremesso não foi completado.
 
É “balk”?
 
Não, de acordo com a Regra 4.06 (a) (3).
 
Vejamos o que diz essa regra: Em nenhum momento um técnico, jogador, suplente, “coach”, treinador ou “bat boy” (recolhedor de “bat”) deve, seja do “bench”, do “coach’s box”, do campo de jogo, ou de qualquer outro lugar, pedir “TIME”, usar qualquer outra palavra ou frase, ou praticar qualquer ato, enquanto a bola está viva e em jogo, com o evidente propósito de tentar fazer o arremessador cometer um “balk”.
 
PENALIDADE: O infrator deve ser removido do jogo e deixar o campo de jogo.

Sem comentários:

Enviar um comentário