terça-feira, 7 de julho de 2020

“BASE ON BALLS” – BATEDOR ULTRAPASSA A 1ª BASE APÓS PISÁ-LA

O batedor autorizado a ir à 1ª base por quatro “balls” ultrapassou a ‘almofada’ após pisá-la, e antes de retornar, foi tocado pelo defensor da 1ª base, que estava com a bola que lhe foi lançada pelo receptor.  O batedor-corredor deve ser eliminado?

Não. Ele poderá ser eliminado se não retornar imediatamente à base, ou se tentar correr para a 2ª base.

[Beisebol – Regras: 5.09 (b) 4 - EXCEÇÃO (vide NOTA 1) , 5.09 (b) (11), 5.09 (c) (3)]

[Softbol – Regras: 5.10.3 (a) (ix), 5.10.4 (j)]

ooo 0 ooo

Brettt Butler, batedor do Giants, é autorizado a ir à 1ª base por quatro “balls”. O quarto “ball”, um “wild pitch” (arremesso descontrolado), passa o receptor –a bola bate no “backstop” (barreira situada atrás do “home plate”) e volta.  Butler acha que é capaz de alcançar a 2ª base. O receptor Sandy Alomar, do Padres, porém, recupera a bola rapidamente, e então Butler muda de ideia antes de chegar à 1ª base. Mas como está correndo a todo vapor, não consegue parar subitamente na base; ultrapassa-a e continua correndo aproximadamente dez metros ao longo da linha do jardim direito. Entretanto, ele retorna à base imediatamente. O defensor da 1ª base Jack Clark pode eliminá-lo por toque (“tag out”) antes que ele regresse à base?

Não. As regras não tratam um batedor que adquire o direito de ir à 1ª base por quatro “balls” diferentemente de qualquer outro batedor-corredor. Consequentemente, Butler tem o mesmo direito de ultrapassar a 1ª base.

Fonte: BIG LEAGUE Baseball PUZZLERS, de Dom Forker

Sem comentários:

Enviar um comentário