quarta-feira, 18 de maio de 2022

ÁRBITROS DE SOFTBOL

SUBSTITUIÇÃO DE ÁRBITROS

Os árbitros não podem ser substituídos durante um jogo com o consentimento das equipes oponentes, a menos que se machuquem ou adoeçam de tal forma que não consigam continuar atuando.

DECISÃO DE ÁRBITRO

Nenhuma reclamação deve haver sobre qualquer decisão tomada por qualquer árbitro, com o argumento de que ele não foi correto em sua apreciação: se uma bola rebatida foi “fair” ou “foul”; se um corredor foi “safe” ou “out”; se uma bola arremessada foi “strike” ou “ball”; ou sobre qualquer jogada que implica uma apreciação correta. Nenhuma decisão dada por qualquer árbitro deve ser revogada, a menos que ele seja convencido de que tal decisão viola uma destas regras. Em caso de o técnico, capitão ou uma das equipes reivindicar a revogação de uma decisão baseada unicamente em um ponto da(s) regra(s), o árbitro cuja decisão esteja sendo questionada deve, se estiver em dúvida, consultar os seus companheiros, antes de tomar qualquer atitude. Porém, em nenhuma circunstância um jogador (ou outra pessoa que não seja o técnico ou capitão de uma das equipes) tem o direito legal para protestar sobre qualquer decisão e pedir a sua revogação, com a alegação de que ela está em conflito com estas regras.

Sob nenhuma circunstância um árbitro deve pedir para revogar uma decisão dada por seus companheiros, nem deve criticar ou interferir nas suas atribuições, a não ser que seja por eles requisitado para isso.

Os árbitros consultados podem retificar qualquer situação em que a revogação da decisão de um árbitro (ou uma decisão demorada de um árbitro) coloca um batedor-corredor ou corredor em risco, ou a equipe na defensiva em desvantagem.

NOTA: Essa retificação não é possível depois que um arremesso, legal ou ilegal, tiver sido efetuado, ou se todos os jogadores da equipe na defensiva tiverem abandonado o território “fair”.

Sem comentários:

Enviar um comentário