quinta-feira, 31 de outubro de 2019

DEFENSOR ATIRA SUA LUVA E TOCA UMA BOLA LANÇADA

Quando o arremessador iniciou os movimentos de arremesso, o corredor da 1ª base saiu correndo para roubar a 2ª base. O receptor, ao tentar eliminá-lo, fez um mau lançamento. O defensor da 2ª base atirou sua luva contra a bola, que estava passando longe da base, e conseguiu interceptá-la. O corredor foi autorizado a ocupar a 3ª base.

Decisão correta. Foi aplicada a Regra 5.06 (b) (4) (E). A bola permanece em jogo.

O ponto de partida para concessão de bases é a posição que o corredor ocupava no momento em que a luva atirada pelo defensor atingiu a bola lançada.

[Regra 5.06 (b) (4) (B-C-D-E) – Nota]

quarta-feira, 30 de outubro de 2019

CONCESSÃO DE BASES

Corredor na 1ª e 2ª base. “Fly” para as proximidades da linha de “foul” do “right field” (jardim direito). O jardineiro direito tocou a bola que estava caindo em território “fair” e desviou-a para fora da cerca lateral. Quantas bases devem ser concedidas ao batedor e aos corredores?

Quando uma bola “fair fly” desviada por um defensor passa sobre a cerca, em território “foul”, o batedor e os corredores devem ser autorizados a avançar duas bases.

[Regra 5.05 (a) (9)]

terça-feira, 29 de outubro de 2019

“HOME RUN”?

Batedor canhoto no “batter’s box”. Como a cerca provisória do jardim direito está colocada a uma distância menor do que a medida normal, o receptor orientou o arremessador a ter cuidado com os arremessos. Contagem de arremessos: 2 – 2. No arremesso seguinte, o arremessador se descuidou e jogou um ‘in koona’*. O batedor rebateu forte; a bola passou sobre a cerca provisória.

Se a cerca provisória está colocada num ponto com menos de 250 pés (76,20 m) do “home base”, o batedor deve ser autorizado a avançar somente até a 2ª base.

*‘In koona’ vem de “In corner” = canto interno. Arremesso ‘in koona’ é aquele colocado no canto interno da zona de “strike” do batedor.

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

JOGADA DE APELAÇÃO

Corredor na 1ª e 2ª base, um eliminado. “Fly” curto para “right field” (jardim direito). Os corredores avançaram; o da 2ª pisou o “home plate”, e o da 1ª chegou à 3ª base. O jardineiro direito apanhou a bola no ar, “mergulhando” no chão (“diving catch”), e lançou à 1ª base; o corredor da 1ª foi declarado “out”. Os defensores deixaram o território “fair” e estavam a caminho do “dugout” quando perceberam que seria contado um ponto. A equipe na defensiva pode ainda apelar na 2ª base para anular o ponto?

Não.

A equipe na defensiva pode solicitar que um árbitro reconheça uma aparente “quarta eliminação”, mas desde que a apelação seja feita antes que a equipe na defensiva deixe o campo (ou seja, antes que o arremessador e todos os defensores do campo interno tenham saído do território “fair”).

domingo, 27 de outubro de 2019

“SAFE”???

O defensor da 1ª base fez uma boa jogada e comemorou, mas … o batedor-corredor foi declarado “SAFE”.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 0:54 – 1:36).

sábado, 26 de outubro de 2019

“RUNNING HOME RUNS”

Para visualizar clique aqui

Running Home Run” é aquela rebatida por meio da qual o batedor-corredor pisa todas as bases e anota um ponto enquanto a bola está dentro do campo de jogo (sem que a defensiva tenha cometido erro).  "Running Home Run" (ou 'Raningu', como costumamos dizer) = "Inside-The Park Home Run".

sexta-feira, 25 de outubro de 2019

CORREDOR COMETE INTERFERÊNCIA PARA EVITAR UMA JOGADA DUPLA

Corredor na 1ª e 2ª base, nenhum eliminado. A bola rebatida (“ground ball”) foi na direção do espaço entre o “shortstop” (interbases) e a ‘almofada’ da 2ª base. O corredor da 2ª base parou um instante e, no momento em que o interbases se preparou para efetuar a defesa, chocou-se, intencionalmente, com ele e derrubou-o. O árbitro da 2ª base ‘matou’ a bola, eliminou o corredor infrator e o batedor-corredor e mandou o corredor da 1ª base voltar para sua base.
Foi aplicada a Regra 6.01 (a) (6) – vide Regra 6.01 (j).

quinta-feira, 24 de outubro de 2019

“FAIR BALL” OU “FOUL BAL”?

1) “Fly Ball” para “left field” (jardim esquerdo). A bola tocou o território “fair”, nas proximidades da linha de “foul”, e pulou para as arquibancadas. O árbitro sinalizou e decidiu que foi “FOUL BALL”.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 4:30 – 5:10).

2) “Line Drive” tocou a linha de “foul”, atrás da 3ª base, e foi em direção à cerca lateral. O árbitro sinalizou e decidiu que foi “FOUL BALL”.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 8:02 – 9:14).

Bola rebatida (“fly ball” ou “line drive”) que cai primeiro em território “fair” sobre a –ou além da– 1ª ou 3ª base é “FAIR BALL”.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS: "FAIR BALL" (REBATIDA VÁLIDA) / "FOUL BALL" (REBATIDA NULA)]

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

INTERFERÊNCIA DO ESPECTADOR

Fly” para “right field” (jardim direito). Quando o jardineiro direito se preparou para efetuar a defesa, um espectador tocou a bola e desviou-a para as arquibancadas. O árbitro sinalizou “HOME RUN”. O defensor reclamou, mas a decisão foi mantida.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 3:15 – 3:50).

Como a Interferência do espectador impediu, claramente, que o defensor apanhasse a bola, o árbitro deveria ter eliminado o batedor.

[Regra 6.01 (e) – REGRA APROVADA]

terça-feira, 22 de outubro de 2019

“HOME RUN”

Fly” para “center field” (jardim central). O jardineiro central posicionou-se perto da cerca. Ao perceber que não conseguiria efetuar a defesa, atirou sua luva contra a bola e desviou-a (a bola caiu dentro do campo).

Se, na opinião do árbitro, a bola poderia ter saído do campo, em voo, deve ser declarado um “home run”.

[Regra 5.06 (b) (4)]

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

INTERFERÊNCIA DA OFENSIVA

No momento em que o arremessador iniciou os movimentos de arremesso, o corredor da 1ª base arrancou rumo à 2ª base. O defensor da 3ª base, que estava posicionado recuadamente, apanhou a bola rebatida ("ground ball") e lançou à 2ª base. O corredor chegou deslizando e foi declarado “safe”. Quando o defensor da 2ª base se preparou para lançar à 1ª base, o corredor se levantou e agarrou o seu braço.
Como a Interferência não foi cometida para impedir uma jogada dupla, o corredor é “out”, e ao batedor deve ser concedida a 1ª base.
(Interpretação do beisebol profissional)
Fonte: DIAMOND CHALLENGE, de Jim Evans

domingo, 20 de outubro de 2019

JOGADA DE APELAÇÃO

Corredor na 1ª base. Rebatida indefensável para “center field” (jardim central); o corredor chegou à 3ª base, e o batedor-corredor, à 2ª base. Quando se preparava para enfrentar o batedor seguinte, o arremessador cometeu “balk”. Logo em seguida, o defensor da 1ª base apelou, alegando que o batedor-corredor omitira a 1ª base. O árbitro deve aceitar a apelação?

Não, apesar de o defensor ter apelado antes do primeiro arremesso ao batedor seguinte.

Uma apelação tem de ser feita antes do arremesso seguinte ou de qualquer jogada ou tentativa de jogada.

[Regra 5.09 (c)]

Se um arremessador comete “balk”, tal ato deve ser considerado uma jogada.

[Comentário – Regra 5.09 (c)]

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

BOLA LANÇADA ATINGE O BATEDOR-CORREDOR

Bola rebatida por meio de “bunt” foi na direção da 1ª base e parou em território “fair”, perto da linha de “foul”. O receptor apanhou-a e lançou ao defensor da 1ª base. A bola atingiu o braço direito do batedor –que estava correndo dentro do território “fair”–, e desviou. O batedor-corredor é “out”?
Se isso aconteceu antes de ele chegar à faixa de três pés, não deve ser eliminado. A bola permanece viva e em jogo.
Regra 5.09 (a) (11): Um batedor é eliminado quando, ao correr a última metade da distância entre o “home base” e a primeira base, sai à direita da faixa de três pés, ou entra em território “fair” (à esquerda da linha de “foul”), e, na opinião do árbitro, tal procedimento estorva o defensor que está recebendo a bola lançada à primeira base (nesse caso a bola torna-se morta); exceto quando ele pode correr fora (à direita) da faixa de três pés, ou por dentro (à esquerda) da linha de “foul”, para evitar interferir na ação de um defensor que está tentando apanhar uma bola rebatida.

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

DECISÃO EQUIVOCADA DO ÁRBITRO DE “HOME”

Nenhum corredor em base, dois eliminados, contagem de arremessos: 3 – 2. No arremesso seguinte o batedor fez “swing” (girou o “bat”) e, ao ver o árbitro de “home” sinalizar que o receptor não agarrou a bola legalmente, correu e pisou a 1ª base (foi declarado “SAFE”). Jogadores e técnico da equipe na defensiva reclamaram.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 1:37 – 2:34).

Reclamaram com razão. O batedor deveria ser eliminado (“strikeout”), já que o terceiro “strike” foi agarrado legalmente (a bola entrou no ‘mitto’* do receptor, sem tocar o solo).

[Regra 5.09 (a) (2)]

*‘Mitto’: Vem de “Mitt” (mit), um tipo especial de luva que oferece maior proteção à mão de uma pessoa. No beisebol e softbol, há luva especial para receptor –‘kyatti mitto’: vem de “catcher’s mitt” (kaetshar’s mitt)– e também para defensor da primeira base  'fasto mitto’: vem de “first (baseman's) mitt” [farst (béismaen's) mit]. 

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

BATEDOR FORA DE ORDEM

O quarto batedor foi ao “batter’s box” na vez do quinto batedor. Quando foi efetuado o segundo arremesso a ele, o técnico da equipe na ofensiva percebeu o erro e substituiu-o pelo batedor correto. O árbitro deve permitir isso?
Sim. Essa alteração é legal. O erro pode ser corrigido a qualquer momento, antes que o batedor fora de ordem se torne um corredor ou seja eliminado. A contagem de arremessos deve ser transferida para o batedor correto.
[Regra 6.03 (b) (2)]

terça-feira, 15 de outubro de 2019

CINCO ERROS COMETIDOS POR ÁRBITROS

Clique aqui para ver os lances.

5) Corredor declarado "OUT" (não houve toque).

4) Batedor-Corredor declarado "OUT" (o defensor estava fora da base quando recebeu o lançamento).

3) Arremesso declarado "STRIKE" (a bola passou longe do “home plate”).

2) Corredor declarado "SAFE" (foi tocado antes de alcançar a base).

1) Foi "home run" (a bola caiu atrás da cerca e voltou ao campo).

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

BOLA LANÇADA ATINGE O BATEDOR-CORREDOR

Bola rebatida por meio de “bunt” foi na direção da 1ª base e parou em território “fair”, perto da linha de “foul”. O receptor apanhou-a e lançou ao defensor da 1ª base. A bola atingiu as costas do batedorele estava correndo fora da faixa de três pés– pouco antes de ele chegar à base e desviou.
Um batedor é eliminado quando corre fora da faixa de três pés e, na opinião do árbitro, estorva o defensor que está recebendo a bola lançada à 1ª base. A bola torna-se morta.
[Regra 5.09 (a) (11)]

sexta-feira, 11 de outubro de 2019

MLB – JOGADORES FLAGRADOS INFRINGINDO REGRAS

Para visualizar clique aqui.

1) Batedor usou "bat" alterado.

Foi declarado "out" e expulso do jogo.

[Regra 6.03 (a) (5)]

Um batedor será julgado como se tivesse usado ou tentado usar um "bat" alterado ou manipulado ilegalmente se ele levar tal "bat" para dentro do "batter's box".

[Comentário - Regra 6.03 (a) (5)]

2) Arremessador  aplicou substância estranha no braço.

Foi expulso do jogo, imediatamente.

3) Arremessador aplicou substância estranha na luva.

Foi expulso do jogo, imediatamente.

[Regra 6.02 (c) (7), Regra 6.02 (d) PENALIDADE (1)]

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

BOLA ARREMESSADA ATINGE O “BAT” NAS MÃOS DO BATEDOR

Arremesso na direção do batedor. No momento em que ele se afastou e saiu do “batter’s box”, a bola atingiu o “bat” e caiu em território “fair”. O receptor apanhou-a e lançou à 1ª base. Quando o defensor da 1ª base recebeu o lançamento e pisou a base, o batedor –estava parado fora do “batter’s box”– foi declarado “out”.
Foi aplicada a Regra 5.09 (a) (10).
Bola arremessada que atinge o “bat” nas mãos do batedor é tratada como bola rebatida.

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

INTERFERÊNCIA DA DEFENSIVA NUM “STEAL OF HOME” (ROUBO DE “HOME”)

Corredor na 2ª e 3ª base, dois eliminados, contagem de arremessos: 0 – 0. O corredor da 3ª base saiu correndo para tentar um "steal of home". O receptor saiu à frente do "home plate" para apanhar a bola arremessada, mas deixou-a passar para trás. O corredor chegou deslizando ao "home plate" ("SAFE"). O corredor da 2ª base também pisou o "home plate" ("SAFE").

Clique aqui para ver o lance.

Se, no momento em que o corredor da 3ª base está tentando anotar ponto por meio de um “squeeze play” ou “steal”, o receptor ou qualquer outro defensor, sem estar de posse da bola, pisa o/sai à frente do “home base”, ou toca o batedor ou o seu “bat”, o árbitro deve imputar um “balk” ao arremessador, e o batedor deve ser autorizado a ir à primeira base em razão da Interferência da Defensiva. A bola torna-se morta. A falta do receptor deve ser marcada sem levar em conta se o batedor estava no “batter’s box” ou não, ou se ele estava tentando rebater o arremesso ou não.

[Regra 6.01 (g) - vide NOTAS 1 a 4]

Como o arremessador atirou a bola descontroladamente, o corredor da 2ª base avançou para "home", a seu próprio risco.

[Regra 6.02 (a) - PENALIDADE (REGRA APROVADA)]

terça-feira, 8 de outubro de 2019

É “FAIR BALL”

Corredor na 1ª base, nenhum “out”. Jogada combinada: “bunt” de sacrifício*. A bola rebatida tocou o solo atrás do “home plate” e pulou pra frente. O receptor apanhou-a quando ela estava caindo sobre a base. É “FAIR BALL” ou “FOUL BALL”?
Bola rebatida que, enquanto está em ou sobre território “fair”, toca o corpo de um árbitro ou jogador é “FAIR BALL”.
[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “FAIR BALL” (REBATIDA VálIDA)]
*“Bunt de Sacrifício”: Jogada em que –com menos de duas eliminações– o batedor sacrifica sua chance de alcançar a 1ª base, com o propósito de fazer um corredor avançar.

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

CORREDOR FOGE DO TOQUE

Defensor da 2ª base apanhou a bola rebatida (“ground ball”) e tentou tocar o corredor da 1ª base; este conseguiu fugir e chegou à 2ª base, mas foi declarado “OUT”.

O árbitro da 2ª base deve ter julgado que o corredor desviou mais de três pés do caminho da base para evitar o toque.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 0:04 – 0:53).

Regra 5.09 (b) (1): Um corredor é eliminado quando desvia mais de três pés (91,44 cm) do caminho da base, para fugir do toque de um defensor, a menos que sua ação seja para evitar interferir na jogada de um defensor que está apanhando uma bola rebatida. O caminho da base de um corredor é estabelecido quando ocorre a tentativa de toque, e é uma linha reta entre o corredor e a base para a qual ele está tentando chegar a salvo.

sexta-feira, 4 de outubro de 2019

“HOME RUN”

Fair Fly” na direção do “left field” (jardim esquerdo). O jardineiro esquerdo tentou efetuar a defesa nas proximidades da cerca do fundo e da linha de “foul”, mas não conseguiu. A bola tocou sua luva e desviou; e após bater no poste de “foul” (na parte acima do nível da cerca) voltou para dentro do campo. Essa bola continua em jogo? 
Não. É “home run”.
[Regra 5.05 (a) (5) e (9)]

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

BASE DESLOCADA DE SUA POSIÇÃO

Arremessador apanhou a bola rebatida, correu para a 1ª base e, sem tocar a ‘almofada’ –que estava fora do lugar– ultrapassou-a. O batedor-corredor foi declarado “out”. Houve reclamação. Os árbitros se reuniram e mudaram a decisão (“SAFE”). O técnico da equipe na defensiva reclamou e foi expulso.

Clique aqui para ver o lance (7:05 – 8:52).

Para evitar problema como esse, recomenda-se que os árbitros fiquem atentos para a posição das bases.