domingo, 31 de março de 2019

JOGADORES GULOSOS

Comer é bom, hein!
Clique aqui  e veja –nos trechos 11:20 – 11:39, 17:09 – 17:52– defensores comendo no campo.

sábado, 30 de março de 2019

ERROS ACONTECEM

Mas como esses mostrados no vídeo, e na MLB!!!
Clique aqui  para ver os lances (nos trechos 0:15 – 0:52, 4:44 – 6:08, 6:36 – 7:11, 16:00 – 16:34, 19:26 – 20:04).

sexta-feira, 29 de março de 2019

BATEDOR COMETE INTERFERÊNCIA

Corredor na 3ª base, um eliminado. Tentativa de roubo de “home”. No momento em que o receptor se preparou para tocar o corredor, que estava se aproximando do “home plate”, deslizando, o batedor deu um passo à frente e interferiu na jogada.
O corredor é “out”.
Com dois “outs”, o batedor é eliminado e nenhum ponto é contado.
[Regra 5.09 (b) (8)]

quinta-feira, 28 de março de 2019

RECICLAGEM 2019

No dia 23 de março de 2019, estivemos em Nippon Country Club, para ministrar a Clínica para novos árbitros. Compareceram 32 pessoas.

E no domingo, dia 24, fizemos a última etapa da Reciclagem 2019. Estiveram presentes 79 árbitros.


Agradecemos a colaboração de Tsutomu Makita (Diretor do Departamento de Beisebol e Softbol), Márcio Roberto Irikura (Diretor de Beisebol), Renato Manso e Milson Aoki, pela realização desse evento.

Resumo da Reciclagem 2019:
09/02/2019 - Tozan - clínica  -  16
10/02/2019 - Tozan - reciclagem -  28
16/02/2019 - Curitiba - clínica -  07
16/02/2019 - Curitiba - reciclagem -  22
23/02/2019 - Londrina – reciclagem -  15
24/02/2019 - Maringá – reciclagem -  18
09/03/2019 - Bastos – reciclagem -  29
17/03/2019 - Cooper – reciclagem -  29
23/03/2019 - Nippon - clínica -  32
24/03/2019 - Nippon – reciclagem -  79

Total: 220 árbitros

Obs.: Quem fez a Clínica também fez a Reciclagem, portanto esse total é apenas da Reciclagem.

quarta-feira, 27 de março de 2019

“HALF SWING”

Corredor na 1ª base. Contagem de arremessos: 3 – 2 (três “balls” – dois “strikes”). No arremesso seguinte o batedor iniciou o “swing” e parou. O árbitro de “home” declarou o quarto “ball”. O receptor não concordou com a decisão e pediu-lhe para consultar um companheiro. O árbitro consultado mudou a decisão para “STRIKE”, e o batedor foi eliminado (“strikeout”). O corredor da 1ª base, que estava a caminho da 2ª base, foi tocado pelo defensor da 2ª base (este estava com a bola que lhe foi lançada pelo receptor).
O corredor é “out”.
[Regra 5.09 (b) (4)]
Os corredores de base têm de prestar atenção para a possibilidade de o árbitro de base, ao ser consultado, mudar a decisão do árbitro de “home” –de “BALL” para “STRIKE”–, porque, nesse caso, correm o risco de serem eliminados pelo lançamento do receptor. O receptor também tem de estar atento se, numa situação de roubo de base, a decisão do árbitro de “home” for mudada pelo árbitro de base consultado –de “BALL” para “STRIKE”.
Enquanto o árbitro de “home” está consultando um companheiro sobre “half swing”, a bola está em jogo.
[Comentário – Regra 8.02 (c)]

terça-feira, 26 de março de 2019

BOLA REBATIDA ATINGE O CORREDOR QUE ESTÁ SOBRE UMA BASE

Line Drive”* na direção da 1ª base. O corredor da 1ª base, que está sobre a ‘almofada’, tenta se esquivar, mas não consegue; a bola atinge de raspão o seu braço esquerdo e desvia.
A bola torna-se morta. O corredor é “out”, e o batedor adquire o direito de ir à 1ª base, sem o risco de ser eliminado.
[Regras: 5.05 (b) (4), 5.06 (c) (6), 5.09 (b) (7)]
*“Line Drive” é uma bola rebatida que vai em linha reta, com força, do “bat” a um defensor, sem tocar o solo.

segunda-feira, 25 de março de 2019

“HALF SWING”

Contagem de arremessos: 1 – 2 (um “ball” – dois “strikes”). No arremesso seguinte o batedor iniciou o “swing” e parou. Como o árbitro de “home” declarou o terceiro “strike” e o eliminou, o técnico da equipe na ofensiva pediu-lhe para consultar um companheiro sobre o “half swing”. O árbitro deve atender à solicitação do técnico?
Não. A apelação sobre “half swing” pode ser feita somente quando o arremesso é declarado “BALL”.
[Comentário – Regra 8.02 (c)]

domingo, 24 de março de 2019

BATEDOR-CORREDOR COMETE INTERFERÊNCIA

Jogo Boston Red Sox vs. New York Yankees. Segunda metade do 8º “inning”, placar: BOS 4 x 2 NYY. Corredor na 1ª base, um eliminado, contagem de arremessos: 2 – 2. O arremessador apanhou a bola rebatida ("ground ball")  e tentou tocar o batedor-corredor, mas não conseguiu; no momento em que estendeu o braço para dar o toque, ele (batedor-corredor) bateu no seu braço (a bola pulou para fora da luva e foi em direção à cerca lateral). O batedor-corredor chegou à 2ª base e o corredor da 1ª base pisou o “home plate”. O técnico do Red Sox reclamou. Os árbitros se reuniram e, após conversarem por algum tempo, deram a decisão: o batedor-corredor foi declarado “out” em razão da falta cometida (Interferência), e o corredor, mandado de volta à 1ª base (a base que estava ocupando no momento do arremesso).
[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “INTERFERENCE” (INTERFERÊNCIA) (a), Regra 5.09 (b) (3) – vide Regra 6.01 (a) PENALIDADE POR INTERFERÊNCIA ]
Clique aqui para ver o lance (no trecho 2:27 – 3:35).
*“Ground ball” é uma bola rebatida que vai rolando ou dando saltos baixos sobre o solo.

sábado, 23 de março de 2019

NÃO DEVE SER DECLARADA UMA INTERFERÊNCIA

Corredor na 1ª base, nenhum eliminado, contagem de arremessos: 3 2. O batedor fez um "swing" forte; o "bat" tocou a luva do receptor no momento em que ele apanhou o arremesso (a bola pulou para fora do "mitt" e foi ao chão).

Clique aqui para ver o lance (no trecho 2:18 – 2:28).

Se, na opinião do árbitro, o contato do "bat" com o "mitt" foi involuntário, deve ser declarado um "strike" somente (e não uma Interferência). A bola, porém, torna-se morta e o corredor não pode avançar.
[Comentário – Regra 6.03 (a) (3) e (4)]

sexta-feira, 22 de março de 2019

OBSTRUÇÃO

Rebatida (“ground ball”) fraca na direção da 1ª base. O defensor da 1ª base avançou para efetuar a defesa. O arremessador, que estava indo para a 1ª base a fim de receber o lançamento do defensor da 1ª base, chocou-se com o batedor-corredor, e este foi ao chão. O árbitro sinalizou a falta cometida pelo arremessador (OBSTRUÇÃO), ‘matou’ a bola e concedeu a 1ª base ao batedor-corredor.
Decisão correta. O arremessador não estava de posse da bola, nem estava em ação para apanhar a bola, quando colidiu com o batedor-corredor.
[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “OBSTRUCTION” (OBSTRUÇÃO), Regra 6.01 (h)]

quinta-feira, 21 de março de 2019

“HOME RUN” COM AS BASES CHEIAS

Bases cheias, dois eliminados. “Home Run” –a bola passou sobre a cerca do “leftfield” (jardim esquerdo). O batedor-corredor foi eliminado, em apelação, por ter omitido a 1ª base.
Nenhum ponto deve ser contado (a terceira eliminação foi feita sobre o batedor-corredor antes de ele tocar a 1ª base).
[Regra 5.08 (a) – EXCEÇÃO (1)]

quarta-feira, 20 de março de 2019

FOI ANOTADO PONTO?

Corredor na 1ª e 3ª base, um eliminado. O corredor da 1ª está tentando um “steal” (roubo de base). “Fly” em direção ao espaço entre os jardins esquerdo e central; o jardineiro central apanha a bola no ar (dois eliminados). O corredor da 3ª faz “tag-up”* e pisa o “home plate”. O corredor da 1ª, que estava retornando, é eliminado pouco antes de chegar à base e completa a terceira eliminação.
Deve ser contado um ponto. O corredor da 3ª pisou a base antes da terceira eliminação.
[Regra 5.08 (a)]
*“TAG-UP” é aquele lance em que o corredor sai da base, numa rebatida “fly”, depois que um defensor apanha ou toca a bola.

terça-feira, 19 de março de 2019

RECICLAGEM 2019

No dia 17 de março de 2019, estivemos em Cooper Clube para mais uma etapa da Reciclagem.

Não teve Clínica, somente Reciclagem para 29 árbitros. 


Agradecemos a colaboração de Carlos Takeda, Marcelo Eduardo Magalhães e Silvio Shimasaki pela realização desse evento.

Próximas etapas da Reciclagem:

Dia 23/03 - NBJ (clínica)
Dia 24/03 - NBJ (reciclagem)

segunda-feira, 18 de março de 2019

BATEDOR-CORREDOR É “OUT”?

O defensor da 1ª base apanhou um “ground ball” (“fair”) nas proximidades da linha de “foul”, com a mão, e tocou a base com a luva vazia (sem a bola) antes de o batedor-corredor pisar a base.
O batedor-corredor é “out” (o defensor pode tocar a base com qualquer parte do seu corpo enquanto mantém a bola firmemente segura na mão ou luva). A decisão seria “safe” se o defensor tivesse dado ‘tatti’* no batedor-corredor ao invés de tocar a base (o toque tem que ser dado com a bola, ou com a mão ou luva que está segurando a bola, enquanto mantém a bola firmemente segura na mão ou luva).
[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “TAG” (TOQUE)]
*Dar ‘tatti’ = Tocar. ‘Tatti’ vem de “touch” (tâtch). É o ato de um defensor tocar um corredor com a bola firmemente segura na mão ou luva.

domingo, 17 de março de 2019

BATEDOR NÃO É “OUT” – É “FOUL BALL”

Bola rebatida por meio de “bunt” teve contato com o “bat”, em território “fair”. O árbitro de “home” ‘matou’ a bola e eliminou o batedor.

Clique aqui para ver o lance (no trecho 0:00 – 0:13).

Se o batedor está posicionado legalmente no “batter’s box” [vide Regra 5.04 (b) (5)] e, na opinião do árbitro, ele não teve nenhuma intenção de interferir no curso da bola, uma bola rebatida que atinge o seu corpo ou o seu “bat” deve ser declarada “foul ball”.



[Regra 5.09 (a) (7) (8)]

sábado, 16 de março de 2019

DEFENSOR APANHA UM “FLY” E CAI PARA FORA DO CAMPO

“Fly” para “rightfield” (jardim direito). O jardineiro direito apanhou a bola no ar e foi de encontro com a cerca. (A cerca se rompeu, e o defensor caiu para fora do campo.)


Clique aqui para ver o lance (no trecho 1:50 – 2:21).


O batedor é “out”. A bola torna-se morta.


Se um lance assim ocorrer quando há corredores em base, cada um será autorizado a avançar uma base, sem o risco de ser eliminado, a partir da última base tocada legalmente no momento em que o defensor caiu para fora do campo.



[Regras: 5.09 (a) (1), 5.12 (b) (6), 5.06 (b) (3) (C) – vide Comentário]

sexta-feira, 15 de março de 2019

BATEDOR-CORREDOR RECEBE AJUDA FÍSICA DO “BASE COACH”

Rebatida indefensável. O batedor-corredor, ao dar um passo em direção à 2ª base depois de pisar a 1ª base, torceu o pé e foi ao chão. O "base coach" ajudou-o a se levantar. 
O corredor deve ser declarado “out” por ter recebido ajuda física do “base coach”.
[Regra 6.01 (a) (8)]

quinta-feira, 14 de março de 2019

AÇÃO ILEGAL DO ARREMESSADOR

Enquanto estava dentro do círculo de 18 pés que circunda o “pitcher’s plate”, o arremessador pôs a mão na boca e, em seguida, pegou a bola, sem enxugar completamente os dedos. Há penalidade?
O árbitro deve retirar a bola do jogo, imediatamente, e fazer uma advertência ao arremessador. Por cada infração subsequente deve ser declarado um “BALL”.
[Regra 6.02 (c) (1) – vide PENALIDADE]

quarta-feira, 13 de março de 2019

CONFISCO DE JOGO

Foul Fly” na direção da catadora de bolas (“ball girl”), que está sentada numa cadeira encostada na cerca lateral do “rightfield” (jardim direito). O jardineiro direito poderia ter apanhado a bola no ar, mas não o fez com receio de provocar um acidente colidindo com a “ball girl”. O técnico da equipe na defensiva reclamou e se recusou a continuar jogando com a catadora de bolas dentro do campo. Reclamação procedente?
Não. “Ball Girl” é uma pessoa que está autorizada a estar no campo de jogo. Portanto, se a equipe na defensiva se recusar a continuar jogando, o jogo poderá ser confiscado.
[Regra 7.03 (a) (3)]

terça-feira, 12 de março de 2019

REGRA DO BATEDOR DESIGNADO

Num jogo em que estava sendo utilizado DH (Batedor Designado), o defensor da 2ª base substituiu o arremessador, e este foi ocupar outra posição na defesa. O DH pode continuar no jogo?
Não.
Regra 5.11 (a) (8): Uma vez que o arremessador do jogo seja removido do montículo (“mound”) para outra posição na defesa, termina a função do DH para o resto do jogo.
Regra 5.11 (a) (14): Se um jogador da defesa vai ao montículo (isto é, substitui o arremessador), termina a função do DH para o resto do jogo.

segunda-feira, 11 de março de 2019

RECICLAGEM 2019

No dia 09 de março de 2019, estivemos em Bastos-SP para mais uma etapa da Reciclagem.

Não teve Clínica, somente Reciclagem para 29 árbitros.

Vieram árbitros de Presidente Prudente, Marília e Bastos.


Agradecemos a colaboração de Leandro Yoshikawa pela realização desse evento.

Próximas etapas da Reciclagem:
Dia 17/03 - Cooper (reciclagem)
Dia 23/03 - NBJ (clínica)
Dia 24/03 - NBJ (reciclagem)

sexta-feira, 8 de março de 2019

NUM “HOME RUN” O BATEDOR-CORREDOR ULTRAPASSA UM CORREDOR PRECEDENTE

Jogo “A” vs. “B”. Placar na segunda metade de um “inning” extra (2 x 2). Bases cheias, um eliminado. “Home Run” –a bola passou sobre a cerca do jardim esquerdo. Os corredores da 3ª e 2ª base cruzaram o “home plate”. O batedor-corredor foi declarado “out” por ter ultrapassado o corredor da 1ª base. 
Deve ser contado um ponto somente. Placar final: “A” 2 x 3 “B”.
[Regra 7.01 (g) – REGRA APROVADA]

quinta-feira, 7 de março de 2019

BOLA ARREMESSADA FICA ALOJADA NO PROTETOR DE TÓRAX DO RECEPTOR

Corredor na 1ª e 3ª base, nenhum eliminado, contagem de arremessos: 3 – 2. O batedor fez “swing” no arremesso seguinte. A bola passou sem ter contato com o “bat”, desviou ao bater no “mitt” e ficou alojada no protetor de tórax do receptor. Enquanto este tentava retirá-la de trás do equipamento, o corredor da 1ª chegou à 2ª base, e o da 3ª permaneceu na base.
O batedor é “out” [Regra 5.09 (a) (3) – vide NOTA]. A bola fica fora de jogo (bola morta) e o corredor da 3ª base anota ponto [Regra 5.06 (c) (7)].

quarta-feira, 6 de março de 2019

CONCESSÃO DE BASES

No momento em que o arremessador iniciou o arremesso, o corredor da 1ª base arrancou para a 2ª base. O batedor levantou um “fly” em direção ao jardineiro central. Este efetuou a defesa (“catch”*) e fez um mau lançamento ao defensor da 1ª base (a bola entrou no “dugout” do lado da 1ª base).
O corredor deve ser autorizado a avançar à 3ª base (concessão de duas bases a partir da base que ele ocupava no momento em que o lançamento descontrolado foi efetuado).
[Regra 5.06 (b) (4) (G)]
*“Catch” é o ato de um defensor apanhar uma bola em voo e conseguir mantê-la firmemente segura em sua mão ou luva, desde que para isso não use seu boné, protetor, bolso ou qualquer outra parte do seu uniforme.
[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “CATCH” (PEGADA LEGAL)]

terça-feira, 5 de março de 2019

MLB – INTERFERÊNCIA DO BATEDOR

Clique aqui para ver os lances.

Um batedor é eliminado por ação ilegal quando sai do "batter's box" e interfere na ação do receptor que está apanhando ou lançando uma bola, ou faz qualquer outro movimento que estorve uma jogada do receptor no "home base".

[Regra 6.03 (a) (3)]

O batedor não será eliminado se qualquer corredor que está tentando avançar for eliminado, ou se o corredor que está tentando anotar ponto for eliminado por causa da Interferência cometida por esse batedor.

[Regra 6.03 (a) (3) - EXCEÇÃO]

segunda-feira, 4 de março de 2019

JOGADA DE APELAÇÃO

Corredor na 3ª base, um eliminado. “Fly” em direção ao jardim central. O corredor ficou em contato com a base, preparado para “tag up”*, porém, na ânsia de anotar ponto, arrancou para “home” antes de o jardineiro central apanhar a bola e pisou o “home plate”. O técnico da equipe na defensiva, alertado por um torcedor, apelou sobre a saída antecipada da base, mas isso após um arremesso ao batedor seguinte. Deve ser contado um ponto?
Sim, já que a apelação não é reconhecida (o corredor não deve ser eliminado em apelação por ter deixado uma base antecipadamente, depois do primeiro arremesso ao batedor seguinte, ou depois de uma jogada ou tentativa de jogada).
[Regra 5.09 (b) (5), Comentário - Regra 5.09 (c) (1)]
*"Tag-Up" é aquele lance em que o corredor deixa a base, numa rebatida “fly”, depois que um defensor apanha ou toca a bola.