quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

BATEDOR REBATE UM ARREMESSO QUE TOCA O SOLO

“Wild Pitch” (arremesso descontrolado). A bola tocou o solo e pulou; e quando estava passando sobre o “home plate”, o batedor acertou um “two-base hit” (rebatida de duas bases). O técnico da equipe na defensiva reclamou e solicitou a anulação da jogada.

Reclamação improcedente. O batedor pode rebater um arremesso que toca o solo.

Se o batedor rebate um arremesso que toca o solo, a ação seguinte deve ser a mesma de quando ele rebate uma bola arremessada em voo.

(DEFINIÇÕES DE TERMOS / “BALL”)

quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

“FOUL TIP”

Contagem de arremessos: dois “strikes”. O batedor tentou rebater o arremesso seguinte. A bola triscou o “bat” e, após tocar o “mitt” (luva especial para receptor), foi de encontro ao protetor de tórax do receptor. Este conseguiu evitar que ela fosse ao solo, retendo-a com a mão e luva contra o seu corpo. Como deve ser decidido este lance?

Deve ser declarado um “foul tip”. Como por cada “foul tip” é contado um “strike”, o batedor é “out” (“strikeout”) –o terceiro “strike” foi agarrado legalmente.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “FOUL TIP”, Regra 5.09 (a) (2)]

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

CBBS – COMUNICADO

Pré-Pan 2019: Jogo entre México x República Dominicana cancelado

CORREDOR COMETE INTERFERÊNCIA

Corredor na 1ª e 2ª base, um “out”, contagem de arremessos: 1 – 2 (um “ball” – dois “strikes). “Fly” para as proximidades da linha de “foul” da 1ª base. O corredor da 1ª base estorvou o defensor da 1ª base no momento em que ele estava indo em direção à bola. O receptor tentou efetuar a defesa, mas não conseguiu; a bola caiu (sem ter contato com ele) em território “fair” e rolou para o território “foul”; o arremessador apanhou-a e lançou à 1ª base. O árbitro da 2ª base apontou para cima (sinal de “Infield Fly”); o árbitro da 1ª base “fez o gesto de “out”. O defensor da 1ª base, ao ver o corredor da 2ª base avançando, lançou à 3ª base (o defensor da 3ª base tocou-o, e o árbitro da 3ª base fez o gesto de “out”). Os defensores deixaram o campo e entraram no “bench”. O técnico da equipe na ofensiva reclamou. Os árbitros se reuniram e, após conversarem por algum tempo, deram a seguinte decisão: a rebatida foi declarada "foul"; o corredor da 1ª base foi eliminado em razão da falta cometida (Interferência), e o da 2ª base, autorizado a retornar à sua base. O jogo teve prosseguimento com corredor na 2ª base, dois eliminados. (Houve essa confusão porque os árbitros devem ter julgado que a bola foi para o território “foul” após tocar a luva do receptor.)

DEFINIÇÕES DE TERMOS / “INFIELD FLY” – Comentário: ... Se uma Interferência é declarada durante um “Infield Fly”, a bola permanece viva até que o árbitro decida se a rebatida é “fair” ou “foul”. Se for “fair”, ambos –o corredor que cometeu a falta e o batedor– serão eliminados. Se for “foul”, o corredor será declarado “out” e o batedor voltará a bater (mesmo que a bola seja apanhada).

Regra 5.09 (b) (3): Um corredor é eliminado quando interfere, intencionalmente, numa bola lançada; ou estorva um defensor que está tentando fazer uma jogada sobre uma bola rebatida.

Regra 6.01 (a) (10): É Interferência de um corredor quando ele não desvia de um defensor que está tentando apanhar uma bola rebatida, ou interfere, intencionalmente, numa bola lançada.  ...

PENALIDADE POR INTERFERÊNCIA: O corredor é “out” e a bola torna-se morta; os corredores não podem avançar.

Veja o lance clicando aqui.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

“FOUL TIP” OU “FOUL BALL”?

Contagem de arremessos: dois “strikes”. O batedor tentou rebater o arremesso  seguinte. A bola triscou o “bat”, foi diretamente de encontro ao protetor de tórax do receptor e desviou. Se o receptor apanhar essa bola, no rebote, antes de ela tocar o solo, o árbitro deve declarar um “foul tip” (terceiro “strike”) e eliminar o batedor?

Não. Deve ser declarado um “foul ball”. Isso porque a bola não foi agarrada legalmente. Se a bola tivesse tocado a mão ou a luva do receptor antes de ir de encontro ao protetor de tórax, aí sim, seria declarado um “foul tip”, e o batedor seria eliminado (“strikeout”).

[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “FOUL TIP”, Regra 5.09 (a) (2)]

sábado, 26 de janeiro de 2019

BOLA REBATIDA ATINGE O “PITCHER’S PLATE” E DESVIA

A bola rebatida atingiu o “pitcher’s plate”, rolou para o território “foul” entre o “home base” e a 1ª base e parou (nenhum defensor teve contato com a bola).

É “foul ball”.

Se a bola tivesse ido para o território “foul” após passar a 1ª ou 3ª base, seria “fair ball”. Seria “fair ball” também se um defensor tivesse tocado a bola.

NOTA: O “pitcher’s plate” é considerado parte do terreno natural.

Se uma bola rebatida –que não tenha tido contato com um defensor– atinge o “pitcher’s plate” e ricocheteia para o território “foul” entre o “home base” e a 1ª base, ou entre o “home base” e a 3ª base, é um “foul ball”.

[DEFINIÇÕES DE TERMOS / “FAIR BALL” (REBATIDA VÁLIDA) / “FOUL BALL” (REBATIDA NULA), Comentário – (“FAIR BALL”), Comentário – (“FOUL BALL”)]

INTERFERÊNCIA DO ESPECTADOR

"Fly" para  "leftfield" (jardim esquerdo). Quando o jardineiro esquerdo tentou efetuar a defesa nas proximidades da cerca, um espectador pegou a bola. O defensor reclamou. O batedor-corredor pisou o "home plate" (a bola teria passado sobre a cerca? ). Os árbitros se reuniram e, recorrendo ao "replay", constataram que o defensor teria apanhado a bola no ar se o espectador não tivesse  interferido na jogada. O batedor-corredor foi declarado "out".
  
Clique aqui para ver o lance (no trecho 0:01  – 5:03).

quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

CORREDOR ELIMINADO POR TER DESISTIDO DE AVANÇAR ÀS BASES SEGUINTES

Placar na segunda metade do nono “inning”: “A” 1 x 1 “B”. Um eliminado, corredor na 1ª base. “Home Run” –a bola passou sobre a cerca do “centerfield” (jardim central). O corredor da 1ª base, que havia dado alguns passos em direção à 2ª base, achando que a vitória estava garantida automaticamente, atravessou o quadrilátero e foi em direção ao seu “bench”. O batedor-corredor avançou legalmente e pisou o “home plate”.

O corredor foi eliminado por ter desistido de avançar às bases seguintes. O batedor-corredor anotou o ponto da vitória.

[Regras: 5.06 (b) (4) (A), 5.08 (a), 5.09 (b) (2)]

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

RECEPTOR ESTAVA COM OS PÉS DENTRO DO “DUGOUT” QUANDO APANHOU UMA BOLA LANÇADA

Rebatida “ground” forte ao espaço entre a 1ª e a 2ª bases. O receptor deixou a sua posição e se preparou para dar cobertura ao defensor da 1ª base num eventual lançamento descontrolado, colocando-se sobre o segundo degrau do “dugout” do lado da 1ª base. A bola lançada pelo defensor da 2ª base desviou ao tocar o solo e foi em direção ao “dugout”; o receptor apanhou-a e lançou ao defensor da 1ª base.

O árbitro mandou o batedor-corredor à 2ª base, aplicando a Regra 5.06 (b) (4) (G).

terça-feira, 22 de janeiro de 2019

QUALIFICATÓRIO DE BEISEBOL DOS JOGOS PAN AMERRICANOS 2019


Árbitros convocados:
Paulo Yamada
Everaldo Medeiros
Eiki Uehara
Leonardo Toma
Rafael Murakami
Claudionor Arbigaus
Akira Kiyuna
Alberto Iwano
Luís Homma
Milson Aoki
Chunyti Moritaca
Hélio Tacacura
Marcelo Nakayama
Emerson Barbosa

SHINNENKAI 2019

Shinnenkai é uma tradição japonesa que marca o início das atividades do ano.

O shinnenkai da AAA foi neste último sábado, dia 19 de janeiro de 2019, no estádio do Bom Retiro.

Logo cedo, os árbitros se reuniram no campo para um jogo de softbol.

Na foto abaixo estão os árbitros e também: Jorge Otsuka (presidente da CBBS), Rodolfo Puente (técnico da seleção brasileira adulta), Mitsuyoshi Sato (auxiliar técnico) e Jose Contreras (auxiliar técnico).



No evento também foi feita uma homenagem póstuma para o árbitro Yukio Hatano (São Bernardo do Campo), que faleceu no ano passado.

Estiveram presentes na homenagem, a sua esposa e filha Karina (na foto abaixo, sentadas em primeiro plano).




segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

CORREDOR DESLOCA UMA BASE DE SUA POSIÇÃO NORMAL

O corredor da 1ª base chegou deslizando à 2ª base; quando tocou a ‘almofada’ com os pés, deslocou-a alguns centímetros de sua posição normal. O defensor da 2ª base, que recebera a bola lançada pelo receptor, deu ‘tatti’* nele. O corredor deve ser eliminado por ter sido tocado fora da base? Ou seja, deve ser aplicada a Regra 5.09 (b) (4)?

Não, se ele tiver conseguido alcançar a base com segurança.

Regra 5.09 (b) (4) – REGRA APROVADA (A): Se o impacto de um corredor soltar uma base de sua posição, nenhuma jogada poderá ser feita sobre esse corredor, nessa base, se ele tiver conseguido alcançá-la com segurança.

Regra 5.09 (b) (4) – REGRA APROVADA (B): Se uma base é deslocada de sua posição por um corredor durante uma jogada, qualquer corredor que o segue, na mesma jogada, deverá ser considerado como tendo tocado ou ocupado a base se, na opinião do árbitro, ele tiver tocado ou ocupado o ponto onde estava colocada a base deslocada.

'Tatti’ vem de “touch” (tâtch) = Toque. *Dar ‘tatti’ significa tocar um corredor com a bola firmemente segura na mão ou luva.

domingo, 20 de janeiro de 2019

CBBS – COMUNICADO

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL
QUALIFICATÓRIO DE BEISEBOL DOS JOGOS PAN AMERICANOS 2019
NOTA OFICIAL

Sobre: Cancelamento de participação da seleção da Venezuela

A Confederação Brasileira de Beisebol e Softbol, vem, através deste, comunicar a desistência da participação da seleção da Venezuela no Qualificatório de Beisebol dos Jogos Pan Americanos (Pré Pan 2019), que acontece entre os dias 29 de Janeiro e 03 de Fevereiro, nas cidades de São Paulo-SP e Ibiúna-SP.

Através de carta enviada pela FVB (Federação Venezuelana de Beisebol), na última sexta (18), fomos informados da desistência da seleção venezuelana devido a problemas financeiros em viabilizar a vinda e participação da delegação no Pré Pan.

Devido ao curto espaço de tempo entre esta data e o início da competição, a vaga não poderá ser ocupada por outra seleção. A decisão sobre como será o sistema de disputa ainda não foi tomada pela COPABE (Confederação Pan Americana de Beisebol).

QUEM DEVE SER ELIMINADO?

Corredor na 1ª e 3ª base, um out, ball count (contagem de arremessos): 1 – 1 (um ball – um strike). Jogada combinada: Squeeze Play*. O batedor fez bunt colocando um pé completamente fora do batter’s box; a bola foi rolando lentamente em território foul, entre o home base e a 3ª base; o defensor da 3ª base avançou e apanhou-a. O corredor da 3ª base, ao ver o árbitro de home sinalizando e declarando “Foul Ball!”, retornou à sua base.

A bola torna-se morta. O batedor é out por ação ilegal [Regra 6.03 (a) (1)]; o corredor permanece na 3ª base [Regra 5.06 (c) (4)].

*Squeeze Play é aquela jogada em que uma equipe, com corredor na 3ª base, tenta anotar ponto por meio de um “bunt”.

sábado, 19 de janeiro de 2019

INTERFERÊNCIA DO BATEDOR NO TERCEIRO "STRIKE"

Corredor na 1ª base, nenhum eliminado, contagem de arremessos: 1 – 2 (um "ball" – dois "strikes").  No arremesso seguinte o batedor girou o "bat" –a bola passou sem ter contato com o "bat"– e estorvou o receptor (saiu do "batter's box" e passou na sua frente) no momento em que ele estava lançando à 2ª base para impedir um "steal" (roubo de base). O lançamento saiu descontrolado; o corredor chegou à 2ª base.  O árbitro de "home" apontou a falta cometida pelo batedor. O batedor foi eliminado por três "strikes" ("strikeout"), e o corredor também foi declarado "out" em razão da Interferência cometida por seu companheiro de equipe. O jogo teve prosseguimento com dois "outs", nenhum corredor em base.

Foi aplicada a Regra 6.01 (a) (5).

Clique aqui para ver o lance.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

BATEDOR NÃO É "OUT"

Contagem de arremessos: 2 – 2 (dois “balls” – dois “strikes”). Quando o batedor se preparou para executar um “safety bunt”*, o arremesso foi em sua direção. Ele conseguiu evitar ser atingido; a bola, porém, tocou seu “bat” e rolou para o território “foul”. O árbitro deve aplicar a Regra 5.09 (a) (4) e eliminar o batedor?

Não, porque o batedor não teve a intenção de executar “bunt”; a bola atingiu o “bat” acidentalmente.

*”Safety Bunt” (séifti bânt) = “Bunt” para tentar chegar a salvo a uma base.

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

BATEDOR USA “BAT” ALTERADO

Corredor na 1ª e na 2ª bases, um “out”. O defensor da 3ª base apanhou a bola rebatida (“ground ball”) em sua direção, pisou a 3ª base e lançou à 1ª base, mas não conseguiu eliminar o batedor-corredor. O cabo do “bat” quebrou com o impacto da rebatida. O árbitro pegou o pedaço que estava caído no chão e constatou que o batedor usara um “bat” alterado. O batedor foi declarado eliminado e expulso do jogo. A eliminação do corredor da 2ª base foi mantida, e o avanço do corredor da 1ª base, anulada.

Foi aplicada a Regra 6.03 (a) (5).

Comentário – Regra 6.03 (a) (5): Um batedor será julgado como se tivesse usado ou tentado usar um “bat” alterado ou manipulado ilegalmente se ele levar tal “bat” para dentro do “batter’s box”.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

RECEPTOR COMETE INTERFERÊNCIA NUM “SQUEEZE PLAY”*

Corredor na 2ª e na 3ª bases, um “out”. Jogada combinada: “squeeze play”. No momento em que o batedor se preparou para executar “bunt” e o corredor da 3ª base arrancou em direção ao “home base”, o receptor estendeu o braço demais e sua luva (“mitt”) tocou o “bat”. Que decisão deve ser dada a este caso?

O árbitro deve declarar uma Interferência da Defensiva e mandar o batedor à 1ª base; deve, também, imputar um “balk” ao arremessador (os corredores avançam uma base). A bola torna-se morta.

[Regras: 6.01 (c), 6.01 (g) – vide NOTAS 1, 2, 3 e 4]

*“Squeeze Play” (skwiiz pléi) é aquela jogada em que uma equipe, com corredor na 3ª base, tenta anotar ponto por meio de “bunt”.

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

CBBS – COMUNICADO


Qualificatório de Beisebol dos Jogos Pan Americanos 2019
03 Janeiro 2019
CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL
QUALIFICATÓRIO DE BEISEBOL DOS JOGOS PAN AMERICANOS 2019
Data: 29 de Janeiro a 03 de Fevereiro de 2019
Sedes: CT CBBS/Yakult, Ibiúna-SP e Estádio Mie Nishi, São Paulo-SP
Em parceria com a COPABE, a CBBS organiza entre os dias 29 de Janeiro e 03 de Fevereiro o Campeonato classificatório de beisebol para o Pan Americano de Lima, no Perú, que acontecerá nos meses de Julho e Agosto de 2019.
Oito seleções estarão na disputa de 4 vagas para os Jogos Pan Americanos (Brasil, Canadá, Colômbia, México, Nicarágua, Panamá, República Dominicana e Venezuela). Outras três seleções já têm vaga garantida através de outros torneios, além do país sede (Peru, Argentina, Porto Rico e Cuba).
A primeira fase será disputada em dois grupos de quatro times, em que todos se enfrentam entre os dias 29, 30 e 31 de Janeiro, sendo o Grupo A em São Paulo (Estádio Mie Nishi, Bom Retiro) e o Grupo B em Ibiúna (CT CBBS/Yakult). Os dois melhores de cada grupo se classificam e fazem a semifinal no sábado (02 de Fevereiro), e no dia seguinte (03),  a final e disputa de 3º lugar. Todos os jogos da fase final acontecem em São Paulo.
Grupo A
Brasil, México, República Dominicana, Nicarágua
Grupo B
Colômbia, Venezuela, Panamá, Canadá
Tabela de jogos

29/01

Bom Retiro

10,00h - México vs. República Dominicana

14,00h - Nicarágua vs. Brasil

Ibiúna

10,00h - Colômbia vs. Venezuela

14,00h - Panamá vs. Canadá


30/01


Bom Retiro


10,00h - Nicarágua vs. México


14,00h - Brasil vs. República Dominicana


Ibiúna


10,00h - Canadá vs. Venezuela


14,00h - Panamá vs. Colômbia


31/01


Bom Retiro


10,00h - República Dominicana vs. Nicarágua


14,00h - México vs. Brasil


Ibiúna


10,00h - Colômbia vs. Canadá


14,00h - Venezuela vs. Panamá


02/02 (Semifinal)


Bom Retiro


10,00h - 2º do Grupo B vs. 1º do Grupo A


14,00h - 2º do Grupo A vs. 1º do Grupo B


03/02 (Disputa de 3º lugar)


Bom Retiro


10,00h - Perdedor semifinal 2 vs. Perdedor semifinal 1


03/02 (Final)


Bom Retiro


14,00h - Vencedor semifinal 2 vs. Vencedor semifinal 1


INFORMAÇÕES


CBBS


Tel.: 55 11 5034-9904


e-mail: contato@cbbs.com.br


ENDEREÇOS


Estádio Mie Nishi


– Avenida Presidente Castelo Branco, 5.446


São Paulo - SP


CT CBBS/Yakult


– Rodovia Bunjiro Nakao, KM 58,5

Ibiúna - SP