domingo, 31 de janeiro de 2016

BATEDOR MATA PÁSSARO APÓS REBATER A BOLA

Bola rebatida (“fly”) em direção ao jardim direito atinge um pássaro.

Para visualizar clique aqui.

Quando uma bola rebatida em voo atinge um pássaro, o jogo deve prosseguir normalmente; a bola permanece em jogo e continua sendo considerada em voo. Portanto, se um defensor apanhá-la antes de ela tocar o solo, o batedor será declarado “out”.

[Regra 7.05 (a) – NOTA 1]

sábado, 30 de janeiro de 2016

TERMOS USADOS NUM JOGO DE BEISEBOL

Jogo da Categoria Veteranos. Segunda metade do 7º “inning” (último “inning”), placar: 5 x 5. Dois eliminados, bases cheias, contagem de bolas arremessadas: 2 – 2 (dois “balls” – dois “strikes”). O arremesso seguinte foi declarado “ball”. Aí o “coach” da 1ª base gritou ao batedor: "tsuu – srii ; tchansu vamos caprichar no senkyuu!”* 

*'Tsuu  – Srii': Vem de "two – three" = dois – três = dois "strikes" – três "balls".

*‘Tchansu’: Vem de “chance”, que significa chance, oportunidade, possibilidade etc. O pessoal usa esse termo quando surge uma situação em que há possibilidade de anotar ponto.

*’Senkyuu’: É um termo japonês. Significa escolher (selecionar) as bolas (arremessadas).

Quando vai informar verbalmente a contagem de bolas arremessadas (“ball count”), deve falar primeiro a quantidade de “ball”. Por exemplo: 1 – 2 (um “ball” – dois “strikes”).

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

“BASE COACH” ATRAPALHA UM DEFENSOR QUE ESTÁ PREPARADO PARA APANHAR UMA BOLA LANÇADA

“Base Hit” ao jardim esquerdo. O jardineiro esquerdo apanhou a bola que caiu na sua frente e tentou eliminar o corredor da 2ª base, que estava avançando à 3ª base. No momento em que o defensor da 3ª base se preparou para apanhar a bola lançada, o “base coach” deixou o “coach’s box” e atrapalhou-o.
  
Regra 7.08 (l): Um corredor é eliminado quando, no momento em que está sendo realizada uma jogada sobre ele, um membro de sua equipe (exceto um corredor) atrapalha um defensor que está tentando apanhar uma bola lançada. Vide Regra 7.11. Para Interferência cometida por um corredor, vide Regra 7.08 (b).

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

BATEDOR-CORREDOR RECUA EM DIREÇÃO AO “HOME PLATE”

O defensor da 1ª base apanhou a bola rebatida e tentou tocar o batedor-corredor. Este, porém, deu uma parada e começou a recuar em direção ao “home plate”. 


Esse procedimento é permitido, desde que não desvie para os lados. O batedor-corredor deve ser eliminado (1) no momento em que toca o “home plate”; (2) no momento em que é tocado com a bola por um defensor; (3) no momento em que um defensor, de posse da bola, toca a 1ª base.   

[Regra 7.08 (i) – NOTA]

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

JOGADOR XINGA UM ÁRBITRO

Rebatida “ground” na direção do espaço entre o interbases e o defensor da 3ª base. O interbases efetuou a defesa com dificuldade e lançou à 1ª base. Jogada apertada. O batedor-corredor foi declarado “SAFE”. O defensor da 1ª base não gostou da decisão; irritado, ofendeu o árbitro com palavras de baixo calão. Foi expulso imediatamente. 

O árbitro aplicou a Regra 4.06 (a) (2): Em nenhum momento um técnico, jogador, suplente, “coach”, treinador ou “bat boy” (recolhedor de “bat”) deve, seja do “bench”, do “coach’s box”, do campo de jogo, ou de qualquer outro lugar, usar linguagem que, de alguma forma, se refira negativamente a jogadores da equipe contrária, um árbitro ou um espectador. Penalidade: O infrator deve ser removido do jogo e deixar o campo de jogo.

SHINNENKAI 2016

Shinnenkai é a tradição japonesa de dar boas-vindas à chegada do ano novo. É celebrado geralmente entre familiares, colegas de trabalho ou amigos. E marca o início das atividades também.

O shinnenkai da AAA foi nesse último sábado, dia 23 de janeiro, no estádio do Bom Retiro. Teve jogo de softbol para integrar o pessoal e depois a confraternização com um churrasco. 

domingo, 24 de janeiro de 2016

‘TOORUI’*

Num jogo da Categoria Infantil, quando o corredor da 1ª base roubou a 2ª base, os companheiros do “bench” começaram a gritar “ui, ui, ui, fez toorui!”.
 
*‘Toorui’ é um termo japonês. Significa roubar base, roubo de base. ‘Toorui’ = “Steal” (stiil).

sábado, 23 de janeiro de 2016

BOLA REBATIDA ATINGE O CORREDOR DA 3ª BASE – “FAIR BALL” OU “FOUL BALL”?

Bola rebatida (“ground ball”) atinge o corredor da 3ª base e rola para o território “fair”. É “fair ball” ou “foul ball”? 

Depende da posição do corredor no momento em que é atingido; se ele for atingido em território “fair”, a rebatida será declarada “fair”, mesmo que a bola role para o território “foul”; e nesse caso o árbitro aplicará a Regra 7.08 (f) –o corredor será declarado “out” por ter sido atingido por uma bola “fair”, em território “fair” [Vide Regras 5.09 (f) e 7.09 (k)]. Mas se for atingido em território “foul”, será declarado um “foul ball”.  

[Regra 2.00 “FAIR BALL” (REBATIDA VÁLIDA) – NOTA]

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

CBBS - COMUNICADO

Curso de Anotação IBAF 2016 - BÁSICO

20 Janeiro 2016

A CBBS e a FPBS, com o apoio do Departamento de Estatística e Departamento Técnico da CBBS, estão promovendo o Curso de Anotação IBAF 2016 - BÁSICO nos dias 30 e 31 de Janeiro de 2016.

ü  Local:

  • Coopercotia, SP
ü  Datas e Horário:
  • 30/01 - 08:00 às 18:00 horas
  • 31/01 - 08:00 às 16:00 horas
ü  Período de inscrição:

Até 28/01/2016 (quinta-feira)
ü  Público Alvo:

  • Para Todos os interessados do Beisebol e Softbol (iniciantes ou não)
ü  Pré-Requisito

  • Conhecimento do Jogo ou equivalente;
  • Para iniciantes é OBRIGATÓRIO assistir aos vídeos publicados em nosso grupo CBBS-Anotação e Estatística no Facebook:
https://www.facebook.com/groups/647463815375580/

ou através dos links abaixo no Youtube:
http://www.youtube.com/watch?v=0bKkGeROiPA

ü  Material Didático:

  • Será encaminhado por e-mail no momento da confirmação da inscrição para o curso.
ü  Custo do Curso:

  • R$ 40,00 (quarenta reais) – pagamento no 1º dia de curso
ü  Alojamento

  • Os interessados em Alojamento deverão encaminhar e-mail para:
Edson Narita - narita@ihara.com.br
Hirokazu Nitta - hirokazu.nitta17@gmail.com
cc:

Paulo Keiti Kimura - kimura.paulo@ig.com.br
ü  Refeições

  • Serão realizadas no baitem do Cooper Clube com pagamento no próprio local
Os interessados deverão encaminhar e-mail para anotacao@cbbs.com.br  informando o nome do Curso (IBAF 2016 – Básico) com as seguintes informações:

ü  Curso: IBAF 2016 – Básico
ü  Nome completo;

ü  Clube;
ü  Categoria;

ü  Telefones de Contato;
ü  E-mail;

ü  Se é iniciante ou não.
Comparecer ao local no horário informado com lápis, borracha, canetas azul e vermelha.

O curso será ministrado pela equipe:

  • Maria Sunto
  • Sonoe Hirae
  • Sueli Yoshioka Simomura

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

É “FOUL BALL”

Batedor executa “bunt”. A bola rebatida pula ao tocar o solo e atinge o capacete do batedor. 


É “foul ball”, já que isso aconteceu enquanto o batedor estava dentro do “batter’s box”.  

Regra 2.00 “FOUL BALL” (REBATIDA NULA) – NOTA 1: ... Se uma bola rebatida (incluindo “bunt”) toca o “bat” nas mãos do batedor ou o corpo do batedor enquanto este ainda se encontra dentro do “batter’s box”, o árbitro deve declarar um “foul ball” (não importa se isso ocorre em território “fair” ou “foul”).

domingo, 17 de janeiro de 2016

PEGADA VÁLIDA

“Fly Ball”* em direção ao “backstop”*. O receptor afastou-se rapidamente –sem tirar a máscara do rosto– para tentar efetuar a defesa, mas, no momento em que se posicionou e olhou para cima,  a bola bateu na máscara e desviou. Ele, porém, não desistiu; deu um ‘peixinho’* e conseguiu agarrá-la firmemente com a luva antes que ela tocasse o solo. A pegada é válida?

Sim. Não seria válida se tivesse apanhado a bola, por exemplo, utilizando a máscara. 

[Regra 2.00 “CATCH” (PEGADA LEGAL)]

*“Fly Ball” é uma bola rebatida que ganha altura em sua trajetória para o ar. 

*“Backstop” é a barreira situada a 60 pés (18,288m) atrás do "home plate".  

*‘Peixinho’  = Salto paralelo ao solo.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

BOLA ESCAPA DA MÃO DO ARREMESSADOR

Nenhum corredor. No momento em que o arremessador iniciou os movimentos de arremesso, a bola escapou de sua mão e foi para trás. 


Como a bola parou dentro do território “fair”, o árbitro de “home” nada declarou. (Uma bola que escapa da mão do arremessador deve ser declarada “ball” somente quando ultrapassa a linha de “foul”; se não ultrapassar, considera-se que não houve arremesso.) 

Se nesse lance houvesse corredor(es), seria declarado um “balk”.   

[Comentário – Regra 8.01 (d)]

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

DIRETORIA DA AAA PARA O BIÊNIO 2016-2017

Foi realizada no dia 05 de dezembro de 2015 a Assembleia Geral Ordinária, que elegeu a nova diretoria da AAA para o biênio 2016-2017.
 
Foi reeleito para o cargo de Presidente da AAA, o Sr. Everaldo Medeiros Marcos.
Confira abaixo a nova diretoria da AAA:

PRESIDENTE ....................... EVERALDO MEDEIROS MARCOS
1º VICE-PRESIDENTE ............... CHUNYTI MORITACA (SP)
2º VICE-PRESIDENTE ............... TATSUO YAMAGUCHI (PR)
3º VICE-PRESIDENTE ............... OTACILIO SAKAI (MS)

SECRETÁRIO GERAL ................. MILSON AOKI
Secretário beisebol .............. LUIS HOMMA
Secretário softbol ............... ARLINDO YAMAMOTO

TESOUREIRO GERAL ................. MOACIR KADOWAKI
Tesoureiro beisebol .............. YUKIO KITAMURA
Tesoureiro softbol ............... TAKAO HORIUTI

DIRETOR TÉCNICO GERAL ............ ALBERTO IWANO
Diretor técnico (CAPITAL) ........ EIKI UEHARA
Diretor técnico (INTERIOR) ....... NAOYOSHI GOTO
Diretor técnico (PARANÁ) ......... LUIS ITIKAWA

DIRETOR JURÍDICO ................. KIYOSHI MIYAGI
                                   AKITOSHI YOSHINAGA
DIRETOR DE PATRIMÔNIO ............ NOBUO OKUMA

COORDENADOR GERAL DE ÁRBITROS .... PAULO YAMADA
Coordenador Capital .............. HELIO TACACURA
                                   MOACIR KADOWAKI
Coordenador Interior ............. YOSHIMI YAMAZAKI
                                   KOJI NAKAMURA
Coordenador Norte Paraná ......... LUIS ITIKAWA
Coordenador Sul Paraná ........... GERSON TRINOSKI

COORDENADOR DE ANOTAÇÃO CAPITAL .. MARIA SUNTO
COORDENADOR DE ANOTAÇÃO PARANÁ ... CARMEM OKAWA

DIRETORIAS ESPECIAIS:
DIRETOR SOCIAL ................... HELIO TACACURA
                                   PAULO SOARES
                                   LUIS ZANOTTI
DIRETOR DE MARKETING ............. MARCELO NAKAYAMA
                                   HELIO TAGUSAGAWA
DEPARTAMENTo MÉDICO .............. YUKIO HATANO

CONSELHO FISCAL:
MEMBROS EFETIVOS ................. JORGE HIDAKA
                                   NEY SATO
                                   ROBERTO SHIOMATSU
MEMBROS SUPLENTES ................ SOICHIRO SUNTO
                                   HIROMASSA KUNII
                                   HAJIME ASSAKURA

CONSELHO DELIBERATIVO:
PRESIDENTE ....................... JORGE AKIHARU HIGAKI
MEMBROS .......................... YSSAO KATAYAMA
                                   PAULO SUZUKI
                                   AKIRA KIYUNA
                                   Prof. Dr. II-SEI WATANABE
                                   HIROSHI NAGANO

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

RECICLAGEM PARA ÁRBITROS DE BEISEBOL 2016

Será realizada nos meses de janeiro, fevereiro e março de 2016, a Reciclagem obrigatória para os árbitros de beisebol.
  
Locais:

1.    Curitiba - 30 e 31 de janeiro
2.    Pres. Prudente – 13 e 14 de fevereiro
3.    São Paulo (Gecebs) – 20 e 21 de fevereiro
4.    Maringá – 27 e 28 de fevereiro
5.    São Paulo (Nippon)– 05 e 06 de março
6.    Guararapes – 12 e 13 de março
7.    Dourados – 19 e 20 de março
  
Horário:

Sábado                                                  
07:00 café da manhã                           
08:00 início do curso teórico              
12:00 almoço                                       
13:00 início do curso prático
18:00 final das atividades do dia

Domingo
07:00 café da manhã
08:00 início do curso prático
12:00 almoço e final das atividades

Obs.: mais ênfase em: regras, balk e zona de strike.
  
Taxa:

A taxa para fazer a Reciclagem é de R$ 60,00 (valor da anuidade).
O material impresso (mesmo de 2015) é opcional e custa R$  20,00.
Link para fazer download do material, clique aqui.

 Observação:

Vir devidamente uniformizados e com material para principal.
Trazer o “Quadro de Atuações” referente 2015, devidamente preenchido.
O árbitro que não fizer a Reciclagem não poderá atuar em torneios oficiais da CBBS durante o ano de 2016.

CBBS - COMUNICADO

RECICLAGEM ÁRBITROS SOFTBOL 2016 - ASB/CBBS
 
12 Janeiro 2016
 
ÁRBITROS DE SOFTBOL DO BRASIL
 
Vinculado à CBBS Confederação Brasileira Beisebol e Softbol
 
COMUNICADO
 
 
Credenciamento e Habilitação dos Árbitros/as do Softbol para jogos oficiais de
Softbol – 2016 / ASB-CBBS Árbitros Softbol do Brasil.
 
Do: Departamento de Arbitragem do Softbol do Brasil da CBBS 

Para: Todos os Clubes e Árbitros de Softbol atuantes

Ref.: CREDENCIAMENTO E HABILITAÇÃO para os Jogos Oficiais do Softbol em

2016

(Obrigatório aos árbitros do Softbol)

Conforme rege o CT Soft 2016 –  Ct X item ” i “ –  do Regimento Básico de Competição:

O Departamento de Arbitragem do Softbol ASB, com a supervisão da CBBS –Confe-

deração Brasileira de Beisebol e Softbol, vem a comunicar ao Departamento,
Diretores e Árbitros dos Clubes de Softbol que faremos o credenciamento dos árbitros
para o ano 2016

Local: Cooper Clube - S.Paulo.

Data: 30/31 janeiro de 2016.

Horário:- 07:30 h > 18:00h (sabado), 8:00H AS 14h (domingo). 

Obs :Uniformizados , c/ Livro de Regra e com material de campo.
Obs 1: Todos são obrigados a participar da Reciclagem 2016. Se um árbitro
perder a Reciclagem próximo a sua cidade, deverá se deslocar e fazer a Reciclagem
em outra cidade e data.
Obs 2: O Curso Básico Iniciante para Árbitros do Softbol (aberto), será realizado em 3
fim de semanas, (a confirmar-dependendo do quórum- mínimo 10 ) e a homologação
como árbitro será dada após participarem sem nenhuma falta. Não haverá taxa
de participação, só o custo do material (Livro de Regra e apostilha).

Obs 3: Caso alguém necessitar de alojamento (Cooper), favor entrar em contato com
o Sr. Edson Narita  - narita@ihara.com.br  ou Sr. Hirokazu Nitta - 11 98105-9731 /
11 4617-3206 / nitta@graficet.com.br

Mais informações :
Presidente:
Carlos Oba - 11-99978 8267 – obacarlos28@gmail.com  
Diretor Técnico:
Fernando Matsumori –11 99919-3330-    fmatsumori@hotmail.com

Comunicação e divulgação:
Nelson Yajima - 11-99985 3060 - asbsoftbol@uol.com.br
Janeiro 2016
Diretoria ASB-CBBS    

terça-feira, 12 de janeiro de 2016

RECEPTOR ATIRA SUA LUVA (“MITT”) E TOCA UMA BOLA ARREMESSADA

Corredor na 1ª base. Arremesso descontrolado. O receptor atirou sua luva e tocou a bola que estava indo em direção ao ‘bakku netto’*. Enquanto isso, o corredor avançou à 2ª base.
 
O corredor pode avançar uma base, sem o risco de ser eliminado. A bola permanece em jogo e a concessão é feita a partir da posição do corredor no momento em que a bola foi tocada.

[Regra 7.04 (e)]

*‘Bakku Netto’: Vem de “back net” (baek nét), que quer dizer rede de trás. É a barreira situada a 60 pés (18,288m) atrás do "home plate". O mesmo que “backstop” (baekstap).

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

HOUVE PEGADA LEGAL – O BATEDOR É "OUT"

No momento em que o arremessador apanhou um “liner”*, a luva foi arrancada de sua mão pela força da bola rebatida. Como, porém, ele conseguiu evitar que a luva com a bola dentro dela fosse ao solo, o batedor foi declarado “out”.
 

Nesse lance, houve pegada legal [Regra 2.00 “CATCH” (PEGADA LEGAL)]. Não deve ser aplicada a penalidade referente ao item (c) da Regra 7.05 [Comentário – Regra 7.05 (b) a 7.05 (e)].

*“Liner” é uma bola rebatida que vai em linha reta, com força, do "bat" a um defensor, sem tocar o solo. “Liner” = “Line Drive”.

domingo, 10 de janeiro de 2016

CBBS – CT 2016

Para visualizar clique aqui.

CBBS – COMUNICADO

Curso de Anotação IBAF 2016 – Revisão de Regras e Fechamento

A CBBS e a FPBS, com o apoio do Departamento de Estatística e Departamento Técnico da CBBS, estão promovendo o Curso de Anotação IBAF 2016 – Revisão de Regras e Fechamento, nos dias 16 e 17 de Janeiro 2016.
 
ü  Local:
Rua Robert Bosh, 295 - Barra Funda – São Paulo – SP
                                      Próximo ao Metrô Barra Funda
Vagas limitadas de estacionamento, caso não tenha disponível, necessário estacionar na rua.
 
ü  Datas e Horário:
16/01 - 08:00 às 17:00 horas
17/01 - 08:00 às 16:00 horas
 
ü  Período de inscrição:
Até 14/01/2016 (quinta-feira)
Somente os inscritos até a data terão autorização para entrar no prédio
 
ü  Público Alvo:
Para quem já anota Beisebol e Softbol
 
ü  Pré-Requisito
Conhecimento do Jogo;
Experiência com anotação tradicional ou Ibaf
 
ü  Material Didático:
Será encaminhado por e-mail no momento da confirmação da inscrição para o curso.
 
ü  Custo do Curso:
R$ 40,00 (quarenta reais) – pagamento no 1º dia de curso
 
ü  Alojamento
Não haverá.
 
ü  Refeições
Obentô – custo R$ 15,00 por dia.
 
Os interessados deverão encaminhar e-mail para anotacao@cbbs.com.br com as seguintes informações:
ü  Nome completo;
ü  RG;
ü  Clube;
ü  Modalidade (Beisebol/Softbol/Ambos);
ü  Categoria;
ü  Telefones de Contato;
ü  E-mail
 
Comparecer ao local no horário informado com lápis, borracha, canetas azul e vermelha.
O curso será ministrado pela equipe:
  • Cristina Aoyagui
  • Márcio Maeda
  • Maria Sunto
  • SonoeHirae