quinta-feira, 5 de junho de 2014

VISITAS DO JOGDOR-“COACH” AO MONTÍCULO

Enquanto está jogando, um jogador-“coach” será tratado como um jogador, desde que não abuse do privilégio de sua condição de jogador e “coach”. Se, na opinião do árbitro, estiver havendo tal abuso, o jogador-“coach” e o técnico serão avisados de que, daí em diante, cada vez que ele (jogador-“coach”) se dirigir ao montículo será contada uma visita.
 
Fonte: Manual do Árbitro da N.A.P.B.L. – National Association of Professional Baseball Leagues

Sem comentários:

Enviar um comentário