domingo, 25 de maio de 2014

“FAIR BALL" OU “FOUL BALL”?

Jogo Detroit Tigers vs. Boston Red Sox. Segunda metade do 7º “inning”, Red Sox no ataque. Nenhum “out”, “ball count”: 0 – 2. Rebatida “ground” fraca.  O arremessador efetuou a defesa e lançou à 1ª base; o batedor-corredor foi declarado “out”.  Depois disso os árbitros se reuniram e decidiram que a rebatida foi “foul” (devem ter considerado que o "bat" teve contato com a bola rebatida enquanto o batedor estava dentro do "batter's box").  O técnico do Tigers reclamou, porém a decisão “foul ball” foi mantida. O batedor voltou a bater e foi eliminado com um “fly” ao jardim direito (“rightfield”).

 
Regra 6.05 (h): O batedor é eliminado quando, após acertar uma rebatida "fair" (inclusive por meio de "bunt"), seu "bat" tem contato com a bola rebatida, em território "fair". ... Se o batedor estiver posicionado legalmente no "batter's box" (vide Regra 6.03) --e, na opinião do árbitro, ele não teve nenhuma intenção de interferir no curso da bola-- , uma bola rebatida que atinge o seu corpo ou o seu "bat" será declarada "foul ball".  

Sem comentários:

Enviar um comentário