terça-feira, 25 de junho de 2013

REGRAS DE ANOTAÇÃO – RECORDE DE JOGOS CONSECUTIVOS REBATENDO “BASE HITS”

Na noite em que Peter Rose teve seu recorde de 44 jogos consecutivos rebatendo “base hits” interrompido, ele não acertou nenhum “base hit” nas quatro vezes que enfrentou os arremessadores Larry McWilliams e Gene Garber do Atlanta Braves.  Suponhamos que ele tenha ido ao “batter’s box” cinco vezes nessa noite e tenha:  (1) andado (obtido o direito de ocupar a 1ª base por “ball four”); (2)  alcançado a 1ª base por ter sido estorvado pelo receptor (Interferência da Defensiva); (3) feito um “bunt” de sacrifício; (4) rebatido um “fly” de sacrifício; (5) sido atingido por um arremesso.

Seu recorde de jogos consecutivos rebatendo “base hits” permaneceria intacto?

Não. Um recorde de jogos consecutivos rebatendo “base hits” não deve ser interrompido se todas as atuações de um batedor (uma ou mais) num jogo resultam em “base on balls”, “hit batsman”, Interferência da Defensiva, Obstrução ou um “bunt” de sacrifício. Um “fly” de sacrifício interrompe esse recorde.

O recorde individual de um jogador que participa de jogos consecutivos rebatendo “base hits” deve ser determinado pelos jogos consecutivos nos quais ele tenha atuado, e não pelos jogos de seu clube.


[Regra 10.23 (b)]


Fonte: BIG LEAGUE Baseball PUZZLERS, de Dom Forker

Sem comentários:

Enviar um comentário